Agricultura e Abastecimento de SP lança no site da CATI/CDRS o Guia de Plantas Aromáticas e Medicinais com acesso gratuito

A partir de agora, novembro de 2021, quem tiver alguma dúvida sobre as principais plantas medicinais, poderá acessar, gratuitamente, o Guia de Plantas Aromáticas e Medicinais lançado no formato e-book, de forma fácil e acessível a todos. O Guia foi elaborado pela engenheira agrônoma Maria Cláudia Silva Garcia Blanco, da Divisão de Extensão Rural, da Coordenadoria de Desenvolvimento Rural Sustentável (CATI/CDRS), especialista em plantas medicinais e aromáticas, tanto em seus variados usos como no cultivo dessas plantas, que pode ser feito em jardins, hortas, quintais, vasos ou de forma comercial.

Cada vez mais, o uso de plantas medicinais vem sendo intensificado e desperta a atenção das mais variadas pessoas que se interessam pelo tema, participam de oficinas, procuram se aprofundar e adquirir mais conhecimento. Prova disso é a participação nos seminários e nas capacitações oferecidas pela CATI/CDRS ao longo de vários anos, coordenados, em especial, por Maria Cláudia.

“Diante dessas demandas, vimos a necessidade de atender e dar respostas. Para sistematizar, criamos diversos informes técnicos em respostas às dúvidas e selecionamos os mais frequentes, com o objetivo de elaborar uma coletânea com essas informações. Foi assim que nasceu o Guia de Plantas Aromáticas e Medicinais, que terá a vantagem de ser atualizado de tempos em tempos, com o acréscimo de novos informes”, explica a autora.

Desde a década de 1990, a CATI vem trabalhando em projetos com plantas medicinais e aromáticas, principalmente voltados aos produtores rurais, aos grupos de mulheres e de jovens, em arranjos produtivos locais, normalmente em parceria com órgãos municipais das áreas da agricultura, saúde e educação. Durante todo esse período, foram recebidas várias perguntas desse público, que foi sendo conquistado ao longo dos anos. As perguntas versavam tanto em relação à identificação botânica das espécies quanto ao sistema de cultivo, aos tipos de beneficiamento, à obtenção das substâncias bioativas e até mesmo sobre o uso seguro das plantas.

“É um trabalho contínuo e outras dúvidas e sugestões poderão contribuir para que o Guia de Plantas Aromáticas e Medicinais tenha cada vez mais informações”, afirma Maria Cláudia. Espero que todos que acessarem tenham bom entretenimento e bons conhecimentos, porque acredito que a troca e a disseminação de informações são sempre bem-vindas, fundamentais e saudáveis!”, finaliza a técnica.
O Guia de Plantas Aromáticas e Medicinais pode ser acessado pelo link https://www.cdrs.sp.gov.br/portal/produtos-e-servicos/publicacoes/documentos-tecnicos

Graça Moreira D’Auria

Compartilhar

Notícias relacionadas

Se inscreva
Notificação de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments