AIDS: Hospital Dia “Domingos Alves Meira” celebra 6 anos de atendimento

Referência no atendimento a pacientes portadores do vírus HIV (causador da Aids), Hepatites B e C e HTLV I e II no interior paulista, o Serviço de Ambulatórios Especializados e Hospital Dia “Domingos Alves Meira”, comemorou nessa terça-feira, dia 31, seis anos de funcionamento com mais de 13 mil consultas. A unidade, que conta com o suporte da Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar (Famesp), tem a missão de humanizar o atendimento e oferecer qualidade de vida aos pacientes que assiste. Tal meta foi amplamente realçada nos discursos dos responsáveis pela unidade.

Reunindo colaboradores, pacientes e diretores tanto da FMB quanto Famesp, a cerimônia foi marcada em muitos momentos pela emoção das pessoas que têm no Hospital Dia sua nova realidade de vida. Para seu diretor responsável, professor Domingos Alves Meira, o hospital possibilita o atendimento completo seja na parte clínica quando social- com programas de reinserção social.


“Todas as pessoas recebem atendimento de forma humanizada e completa. Até na concepção o hospital se diferencia por ter o formato de uma casa, o que propicia melhor adaptação e aceitação pelo tratamento”, ressalta prof. Meira, sendo que, segundo ele, a Diretoria Regional de Saúde de Bauru (DRS 6) agrega mais de 80% dos pacientes em tratamento na unidade.

O diretor ainda acrescenta que a comunidade local tem dado o respaldo necessário para o crescimento da unidade. Um dos projetos, conta Meira, é a instalação de uma academia de ginástica voltada aos pacientes. A ideia ainda não tem data para ser implantada no hospital.

Após o descerramento da placa comemorativa, o diretor presidente da Famesp, prof. Pasqual Barretti, realçou a importância do Hospital Dia no contexto filantrópico da fundação. Segundo ele, muito foi desenvolvido nos últimos anos no tratamento da Aids e outras DSTs. Houve conscientização da importância de centros de referência nesse tipo de assistência. “Esse hospital é o carro chefe da missão de filantropia da Famesp”, declarou.

Já prof. Sérgio Müller, diretor da FMB, pontuou a parceria com o SAE/Hospital Dia no aprimoramento profissional de médicos e enfermeiros graduados pela instituição. De acordo com ele, o espírito de equipe entre os colaboradores tem sido o diferencial para o sucesso da unidade. “Para a Faculdade de Medicina, ter parceria com o Hospital Dia proporciona um importante cenário de ensino. Só se pode ter qualidade profissional quando há a correta capacitação em serviços de saúde variados”, complementou o diretor.

A solenidade de aniversário contou ainda com a abertura de exposição de quadros feitos pelos pacientes durante a Terapia Ocupacional. Os melhores trabalhos foram premiados e estarão nas próximas semanas disponíveis para visitação nas dependências do Hospital Dia, no Distrito de Rubião Júnior.

Inaugurado em 2004, o Hospital Dia oferece a seus pacientes acompanhamento multiprofissional que engloba atendimento odontológico, fisioterapia, terapia em grupo, psicólogos, terapia ocupacional, além de todo o suporte em medicação.

Alguns projetos como cursos de informática, palestras sobre DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis) e terapia ocupacional são diferenciais do hospital. Assistência a vítimas de acidentes com risco biológico, ferimentos ocupacionais em ambiente hospitalar também integram o quadro de serviços do hospital..(Assessoria de Comunicação e Imprensa do HC/FMB/Unesp)

Compartilhar

Notícias relacionadas