Alckmin entrega Estação Carapicuíba modernizada e 5 novos trens

Ampliada, estação está totalmente acessível; trens pertencem ao lote de 105 veículos adquiridos pela CPTM – O governador Geraldo Alckmin e o secretário dos Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, entregaram, nesta quinta-feira, 24, as obras de modernização da Estação Carapicuíba, na Linha 8-Diamante (Júlio Prestes-Itapevi) da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos). 


"Esta linha 8 também terá outras estações reformadas. Hoje foi entregue Carapicuíba, até o fim do ano serão Osasco e Barueri. Já foram entregues Jandira e Itapevi. Vamos, a partir de maio, licitar mais 42 estações que serão reformadas com escada rolante, elevador, acessibilidade, toda condição de conforto para os passageiros", afirmou o governador. 

Durante o evento, também foram entregues cinco novos trens para a frota da Companhia, equipados com ar-condicionado, câmeras de vigilância, sistema de informação audiovisual (monitores de vídeo e displays) e itens de acessibilidade. 

Ampliada e totalmente acessível, a estação construída na década de 1980 ganhou elevadores, escadas rolantes, novas bilheterias com vidros blindados, ampliação do mezanino, novos pisos, bicicletário com 144 vagas, displays digitais, entre outros equipamentos que vão melhorar as condições de atendimento, conforto e acessibilidade dos mais 30 mil usuários que a utilizam diariamente. 

Novo padrão 

Para dar à Estação Carapicuíba o mesmo padrão das estações recém-inauguradas pela CPTM, o local passou por reforma e readequação de suas instalações, sendo aproveitada apenas a estrutura. 

O mezanino, por onde é realizada a transposição entre plataformas e acesso aos bloqueios e bilheterias, foi refeito e ampliado. As antigas estruturas de concreto pré-moldado foram recuperadas, além da aplicação de tintas (verniz e acrílica). No corredor do mezanino, foram instalados vedação lateral com vidros, caixilhos de alumínio e venezianas na parte superior, que proporcionam maior iluminação natural, proteção da chuva e ventilação. 

Para facilitar o acesso de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, foram instalados três elevadores – dois para acesso às plataformas e um para quem vem da área das bilheterias. Outros equipamentos de acessibilidade estão presentes na estação, como piso e rotas táteis, comunicação em Braille e adequação de corrimãos. Além dos banheiros públicos, também foram construídos sanitários exclusivos para usuários com mobilidade reduzida. 

A Estação Carapicuíba também ganhou quatro escadas rolantes para agilizar o fluxo dos usuários. As áreas das coberturas das escadas rolantes e fixas das plataformas receberam proteção lateral com chapas de aço galvanizado perfuradas na cor vermelha, que também destacam a arquitetura da estação. 

Uma nova bilheteria, com vidros blindados, foi construída do lado oposto às antigas instalações (lado esquerdo para quem entra na estação). Seis displays digitais (Painel de Destino dos Trens – PDT) que informam o horário e os destinos dos trens foram instalados nas plataformas. Todo o piso foi substituído por porcelanato para alto tráfego, de cor cinza claro. 

A CPTM implantou nas novas instalações uma nova infraestrutura e equipamentos para sistemas elétricos, eletrônicos, hidráulicos, sonorização, iluminação geral e de emergência, circuito fechado de TV, dispositivo de detecção e combate a incêndio, telefonia, entre outros. Salas operacionais e técnicas também foram readequadas. 

Com predominância da cor vermelha e nuances de cinza (cor da Linha 8-Diamante), a nova comunicação visual segue o mesmo padrão que está sendo adotado, gradativamente, nas estações e trens da CPTM. 

Linha 8-Diamante 

Atualmente, atende mais de 420 mil usuários por dia, a maioria proveniente das cidades de Itapevi, Jandira, Barueri, Carapicuíba e Osasco. Além das estações Itapevi, Engenheiro Cardoso e Jandira, cujas obras foram concluídas no ano passado, as estações Osasco e Barueri também passam por ampliação. Novos sistemas de sinalização e controle de tráfego, telecomunicações, energia, rede aérea e via permanente também estão sendo implantados nesta linha. 

Trens modernos 

As cinco novas composições fazem parte de um total de 105 trens adquiridos pela CPTM nos últimos anos. Com esse incremento, o número de novos trens entregues chega a 47. Fabricados pela CAF, os novos trens, com oito carros cada, possuem design arrojado na parte externa, que traz a nova comunicação visual da CPTM, com predominância de vermelho, mais as cores cinza e branco. A parte interna também tem layout moderno e funcional. 

As composições são equipadas com sistema de monitoramento por câmeras no interior dos carros, além de câmeras externas no primeiro e último carros que mostram a movimentação na plataforma da estação. Os trens são totalmente acessíveis para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. (Da Secretaria de Transportes)
 
 

 

Compartilhar

Notícias relacionadas