Alexandre Padilha fala no Bom Dia Ministro desta quinta-feira

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, é o entrevistado do Bom Dia Ministro desta quinta-feira (24). Durante a entrevista, Padilha vai detalhar o programa de Fortalecimento da Rede de Prevenção, Diagnóstico e Tratamento do Câncer, lançado na última terça-feira pela presidenta Dilma Rousseff, em Manaus/AM. A pauta inclui, ainda, a ampliação da campanha de vacinação contra gripe a crianças de até dois anos, gestantes e profissionais da saúde; o programa Saúde Não Tem Preço…

 
, que oferta medicamentos gratuitos para tratamento de hipertensão e diabetes; e as ações do Ministério da Saúde na prevenção e no combate à dengue. A entrevista é produzida e coordenada pela Secretaria de Imprensa da Presidência da República, e transmitida ao vivo, via satélite, e também pela TV NBR, das 8h às 9h.

Saúde da mulher – A saúde da mulher está entre as prioridades do governo federal, que lançou um plano de R$ 4,5 bilhões para a implementação de medidas que buscam garantir a melhoria do rastreamento do câncer de colo do útero, a detecção precoce do câncer de mama e o tratamento dos casos identificados.

O câncer de mama é o mais frequente entre as mulheres (com 49.240 casos novos estimados para este ano) e representa a primeira causa de mortalidade por câncer entre a população feminina brasileira. Em 2008, último ano consolidado no Sistema Nacional de Informação sobre Mortalidade, foi responsável por 11.813 dos óbitos. O câncer de colo do útero é o segundo tumor mais frequente nas mulheres (com estimativa de 18.430 novos casos este ano). Em 2008, 4.873 mulheres morreram em decorrência deste tipo de câncer.

Até 2014, o governo federal vai aplicar recursos, previstos na Política Nacional de Atenção Oncológica, no fortalecimento da atenção primária e da rede ambulatorial e hospitalar do Sistema Único de Saúde (SUS) e em campanhas de divulgação e conscientização sobre como prevenir e tratar o câncer.

Remédios gratuitos – O programa Farmácia Popular apresentou crescimento expressivo no primeiro mês de gratuidade dos medicamentos para hipertensão e diabetes. Cresceu 45% o número de autorizações (para venda e oferta grátis) de todos os 25 itens do “Aqui Tem Farmácia Popular”, entre 14 de fevereiro e 14 de março, nas farmácias da rede privada credenciadas no programa. Esse período refere-se aos primeiros 28 dias do “Saúde Não Tem Preço”, ação do governo federal que distribui gratuitamente 11 medicamentos para hipertensão e diabetes. Do início da gratuidade do programa até o dia 14 de março, foi retirado um total de 2,6 milhões de itens contra 1,8 milhão no período anterior (de 14 de janeiro a 14 de fevereiro). As autorizações cresceram ainda mais para remédios contra hipertensão e diabetes: 61% e 50%, respectivamente.

Além dos medicamentos gratuitos para hipertensão e diabetes, o “Aqui Tem Farmácia Popular” oferece mais 14 tipos de medicamentos, com até 90% de desconto, utilizados no tratamento de asma, rinite, mal de Parkinson, osteoporose e glaucoma, além de fraldas geriátricas. Os medicamentos são oferecidos em mais de 15 mil farmácias e drogarias da rede privada credenciadas ao “Aqui Tem Farmácia Popular” e nas 544 unidades próprias (administradas pelo governo federal) do programa.

Combate à dengue – O número de casos de dengue notificados até 26 de fevereiro caíram 37% em relação ao mesmo período do ano passado, com 155.613 notificações em todo o Brasil, resultado das ações de mobilização e prevenção articuladas entre o ministério e as secretarias estaduais e municipais de saúde. Preventivamente, além da compra de equipamentos, veículos, inseticidas e medicamentos, o ministério vem capacitando médicos e enfermeiros, revisou manuais de diagnóstico e tratamento de pacientes pediátricos, assessorando a elaboração dos planos de contingência de estados e municípios e intensificando as ações de mídia em todo o país. No período em que o aumento das chuvas e a alta das temperaturas facilitam a proliferação do mosquisto Aedes Aegypt, vetor transmissor da doença, o combate à doença se tornou prioridade do ministério.

Participam do Programa Bom Dia Ministro desta quinta-feira as seguintes rádios: Jovem Pan AM (São Paulo/SP), Tupi (Rio de Janeiro/RJ), Difusora (Goiânia/GO), Guarany 100,3 FM (Santarém/PA), Farroupilha (Porto Alegre/RS), Clube (Belém/PA), Chapecó (Chapecó/SC), Paiquerê (Londrina/PR), Rio Mar (Manaus/AM), Jangadeiro FM (Fortaleza/CE), Inconfidência (Belo Horizonte/MG), Mirante (São Luís/MA), Boas Novas 580 AM (Recife/PE), Alternativa FM (Várzea Grande/MT) e Globo (Natal/RN).

O Programa Bom Dia Ministro é transmitido ao vivo pela NBR TV e pode ser acompanhado por meio do link no site da Secretaria de Imprensa da Presidência da República. Para as rádios, o sinal de transmissão é disponibilizado pelo mesmo canal da “Voz do Brasil”. Após o programa, o áudio da entrevista estará disponível no site da Secretaria de Imprensa da Presidência da República.(Da Secretaria de Imprensa da Presidência da República)
 

 

Compartilhar

Notícias relacionadas