Áurea questiona situação de trabalhadores rurais

Requerimento da vereadora Áurea Aparecida Rosa (PTB) encaminhado ao Sr. Flávio Renato  Bloes Bartolomeu,  Sub-Delegado Regional do Trabalho  de Itapeva, pede informações sobre a condição de trabalho dos  trabalhadores rurais “resina/serraria e corte de madeira” de nosso município.

A vereadora citou algumas fiscalizações que foram efetuadas, sobre as condições a que são submetidos  diversos desses trabalhadores que atuam em Itapeva e também na cidade de Itapirapua Paulista/SP. Segundo as denúncias essas pessoas  estão sem registro na carteira, dormindo em barraca pelo mato e são transportados como animais
(em caminhão de boi).

Como é sabido o Brasil tem que abolir de vez esta condição de trabalho, pois não é digno que nossos brasileiros estejam em situação de risco, ganhando apenas R$ 200,00 mensais nestas condições, ponderou Áurea.

Portanto, como representante da população, a vereadora requereu da Sub Delegacia Regional do Trabalho informações sobre quais as providências já tomadas e o que poderá ser feito  para comprovação dos fatos, bem como  as medidas cabíveis para sanar esse grave  problema.

RONDA POLICIAL – Ao Comando da 1ª Cia do 54º Batalhão da Polícia Militar, a vereadora Áurea solicitou que seja intensificada ronda na Rua Thomas Aquino Pereira, no Conjunto Habitacional Paulina de Morais. Os moradores daquele núcleo habitacional pedem providências nesse sentido, garantindo assim mais segurança às pessoas,
principalmente no período noturno.

MELHORIA EM RUA – Outro pedido da vereadora, encaminhado ao Executivo Municipal, refere-se ao cascalhamento da Rua Capão Bonito, na Vila Bom Jesus. A falta da melhoria provoca transtornos aos moradores que pedem providências nesse sentido.

REDE DE ESGOTO – Áurea encaminhou requerimento à Sabesp para que seja viabilizada a instalação de rede de esgoto, na Rua Marciliano Antunes de Lima, altura do nº 150, no Jardim Grajaú.  Os moradores querem a melhoria, e segundo informações o beneficio já foi solicitado, porém até agora não houve manifestação por parte da Concessionária. Por Madalena Ferreira, da Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Itapeva

Compartilhar

Notícias relacionadas