Botucatu: Câmara aprova pedido que viabiliza o projeto “Mãe Natureza”

Lei aprovada em 2007 tem por objetivo distribuir mudas de árvores a cada nascimento no município. Proposta visa contribuir com a responsabilidade socioambiental da cidade.

Na sessão ordinária da Câmara Municipal de Botucatu do último dia 13 de outubro, o vereador Lelo Pagani (PSDB), protocolou requerimento para colocar em prática a lei “Mãe Natureza – uma vida, uma árvore”, instituída em novembro de 2007. O pedido, votado e aprovado, autoriza o seguimento do contido no regulamento, que tem por objetivo contribuir com a responsabilidade socioambiental do município.

A lei nº 4.860, de autoria do parlamentar, visa distribuir uma muda de árvore para cada nascimento na cidade de Botucatu. Os pais ou responsáveis pela criança devem fazer a solicitação na Secretaria Municipal de Meio Ambiente no prazo de até 90 dias após o nascimento. Juntamente com a muda doada, será entregue um folheto com orientações e informações sobre a espécie. “A ideia é contribuir com a responsabilidade socioambiental do município e dos munícipes também. Com isso, facilitamos a formação ambiental dos beneficiados e colaboramos com a arborização da cidade”, explica o autor da lei, vereador Lelo Pagani.

A muda deverá ser plantada em local definido pelos responsáveis da criança, seguindo as regras próprias de urbanismo. Em casos de não ter local adequado, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente irá orientar e definir em qual área a muda poderá ser plantada.

Mais árvores, mais benefícios

Uma cidade arborizada oferece muito mais qualidade de vida aos cidadãos. Além de embelezar ruas e avenidas, elas têm um grande impacto na qualidade de vida das pessoas: regulam o equilíbrio térmico, reduzem a poluição, fornecem sombra e produzem oxigênio.

Mas, para que uma cidade se torne mais verde, a construção pode (e deve) ser coletiva.

“Nós, eleitos como representantes dos interesses da maioria, temos essa responsabilidade de incentivar e propor projetos como esse, que beneficiam tanto a cidade, como a população como um todo. Nós não mudamos a cidade sozinhos. Isso é construído com a somatória de esforços entre o poder executivo e os cidadãos. O principal objetivo é justamente esse, o de estimular o exercício da cidadania e, assim, melhorar a cidade para todos”, finaliza o vereador.

(Do ViaDigitais)

Compartilhar

Notícias relacionadas

Se inscreva
Notificação de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments