Caixa libera FGTS para as vítimas do tornado em Taquarituba

A ação é destinada às vítimas do tornado que assolou a cidade – A Caixa Econômica Federal realiza de 08 a 11 de outubro, em Taquarituba, uma ação emergencial de atendimento às vítimas do tornado que passou pela cidade no dia 22 de setembro.

Os trabalhadores residentes nas áreas atingidas pelo desastre natural, conforme informações fornecidas pela Prefeitura Municipal de Taquarituba, poderão requerer o saque do FGTS de suas contas em até 90 dias após o desastre.
 
A CAIXA montou uma “força-tarefa” composta por dez empregados oriundos de diversas localidades que estão atendendo nas dependências do CRAS – Centro de Referência e Assistência Social – localizado à Rua Treze de Maio, 758, centro de Taquarituba. Além disso, um Caminhão Agência da CAIXA ficará estacionado ao lado do CRAS e também prestará atendimento aos trabalhadores das áreas afetadas.
 
O atendimento acontece em duas etapas. Nesta primeira semana, os trabalhadores  protocolam o pedido de liberação do FGTS munidos dos documentos abaixo relacionados e poderão abrir conta poupança para crédito dos valores liberados. Posteriormente, na data informada em seus protocolos, eles retornarão para efetuar o saque. Os valores abaixo de R$ 700 poderão ser sacados na Sala de Auto Atendimento da Agência Taquarituba, com o cartão cidadão ou somente com a senha cidadão. Acima de R$ 700 até R$ 1.500, os valores poderão ser sacados na Sala de Auto Atendimento da Agência Taquarituba e também nas Casas Lotéricas, nestes casos serão necessários o cartão e senha do cidadão. Para valores acima de R$ 1.500, o atendimento de saque deverá ser realizado na agência, podendo o trabalhador optar por crédito em conta poupança.
 
Documentos que devem ser apresentados pelo trabalhador:
– Carteira de Trabalho
– Comprovante de residência em nome do trabalhador (conta de luz, água, telefone, gás, extratos bancários, carnês de pagamentos, entre outros), emitido nos últimos 120 dias anteriores à decretação da calamidade.
– Caso o comprovante esteja em nome de um dos pais do trabalhador, a comprovação é feita por meio de filiação verificada no documento de identificação apresentado. Caso o comprovante esteja em nome do cônjuge, a comprovação é feita por meio da apresentação da certidão de casamento.
– Na falta do comprovante de residência, o titular da conta vinculada poderá apresentar uma declaração emitida pelo Prefeitura Municipal, atestando que o trabalhador é residente na área afetada.
– Documentos complementares (caso possível, deverão ser apresentados):  RG, CPF e CNH, Cartão do Cidadão ou Cartão de Inscrição PIS/PASEP
 
Para gerar conforto e qualidade de atendimento aos trabalhadores, o atendimento será escalonado em ordem alfabética pela letra inicial do nome de cada trabalhador, conforme cronograma abaixo:
Terça-feira (08): Inicial do nome com letras de A, B, C, D e E;
Quarta-feira (09): Inicial do nome com letras de F, G, H, I, J e K;
Quinta-feira (10): Inicial do nome com letras de L, M, N e O;
Sexta-feira (11): Inicial do nome com letras de P, Q, R, S, T, U, V, W, X, Y e Z.
 
Serviço:
Ação Emergencial  CAIXA
Data: 08 a 11 de outubro de 2013
Horário: 08 às 17h
Local:  Sede do “CRAS” (Serviço Social da Prefeitura) – Rua Treze de Maio 758 – Centro – Taquarituba/SP
 
(Da assessoria de Imprensa da Caixa Econômica Federal, Regional Bauru)
r

Compartilhar

Notícias relacionadas