Câmara de Itapeva aprova Título para Guilherme Mussi

Roberto Comeron e Guilherme Mussi direitaO deputado federal Guilherme Mussi Ferreira, tem 29 anos,  é brasileiro, nascido em 1982 ingressou, com treze anos de idade, no Abbey College, em Dublin na Irlanda e com 15 anos, seguiu para Quebec no Canadá, onde estudou e fez curso de História no Collége Stanislas. A etapa seguinte foi na Inglaterra onde estudou no Bellerbys College e na UEL – University of East London e, de retorno ao Brasil, graduou-se em

administração de empresas, engajando-se no trabalho junto ao ramo industrial.

O Plenário da Câmara aprovou na sessão de segunda-feira,  7, projeto de Decreto Legislativo proposto pelo vereador Roberto Comeron, concedendo o Título de Cidadão Itapevense ao deputado federal Guilherme Mussi Ferreira. A honraria será entregue ao parlamentar em data a ser agendada oportunamente.
 
Guilherme Mussi tem residência na Capital do Estado de São Paulo e na região sudoeste do interior do Estado, na cidade de Capão Bonito onde tem seu domicilio eleitoral. O conhecimento da realidade interiorana paulista veio com esta vivência e foi assim que pode concluir, dentre outras coisas, que é preciso criar condições para que o jovem do interior do Estado possa estudar e trabalhar na região em que nasceu, e ainda ter acesso à cultura, ao esporte e ao lazer.
 
Desde cedo participou ativamente de movimentos sociais voltados à assistência aos carentes, à infância, a adolescência e aos idosos.
 
Por esta participação e pelo seu engajamento cada vez maior na realização de ações sociais é que nasceu o sonho de formar e manter uma Instituição, iniciando para isso um movimento de mobilização que possibilitou a criação de um Instituto com sede em Capão Bonito e com sucursais em várias outras cidades do Estado de São Paulo.
 
O Instituto por si e em convênio com outras organizações coordenou estudos voltados à implantação de programas de desenvolvimento regional para a instalação de empresas não poluentes, programas de geração de emprego e renda, de formação de mão de obra e apoio a tantos outros projetos de cunho ambiental, social, esportivo e cultural.
 
Ingressou na política incentivado por um grupo composto por familiares, amigos e colegas, que, como ele, sonha com um Brasil mais justo, com a disposição de lutar por mais oportunidades para todos, desenvolvendo situações que possibilitem uma melhor relação do ser humano com o meio ambiente e o social.
 
Elegeu-se deputado federal pelo Partido Verde (PV) com 98.702 votos de eleitores em 552 municípios do Estado de São Paulo. Em março de 2011, foi convidado pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, para ingressar no novo Partido Social Democrático (PSD). Sendo um dos fundadores da sigla, também integra como membro da executiva nacional. Constituiu na região do alto Paranapanema os diretórios que representam a força desse novo partido.
 
Guilherme Mussi é critico, observador, seguro com a verdade e consciente de que é preciso acreditar e investir no potencial socioeconômico e nos valores humanos e ambientais que o País possui, na força do trabalho e na capacidade do brasileiro de fazer acontecer, de realizar o que parece impossível, na união das pessoas de bem em busca de soluções para os problemas que precisam ser resolvidos e, especialmente, que a política serve para apoiar quem trabalha e produz.
(Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Itapeva).

Compartilhar

Notícias relacionadas