Em Avaré, mais de 10 mil alunos retornaram às aulas

Com bons resultados em avaliações de âmbito nacional, Avaré inicia o ano letivo com algumas ferramentas pedagógicas que facilitarão o processo de ensino em sala de aula durante este ano. Nesta segunda-feira(7), a Rede Municipal de ensino do município retomou suas atividades educacionais com a expectativa de mais um ano de sucesso na educação. Ao todo 10.250 alunos, contando com as CEIS e EJA (Educação de Jovens e Adultos), suplência I e II, 3º ano do ensino médio, ensino fundamental de 1º ao 5º ano e ensino infantil, voltaram às aulas.


Com bons resultados em avaliações, 5.5  no Ideb – Índice de Avaliação no Desenvolvimento Escolar Básico, a prefeitura de Avaré, visando manter e melhorar a qualidade da aprendizagem, inicia o ano letivo de 2011 com algumas ferramentas pedagógicas que auxiliarão na didática dos professores e facilitarão o processo de ensino em sala de aula. 

Para marcar o início das atividades, a Secretaria Municipal de Educação promoveu, no último dia 2, uma palestra motivacional para o corpo docente ministrada por Erik Penna.

Dentre as ferramentas pedagógicas adquiridas, o município já pode contar com salas multifuncionais que atendem crianças portadoras de necessidades especiais; com o PROINFO – Programa de Informática nas escolas; entre outros, sem falar que o prefeito Rogélio Barcheti deverá entregar ainda este ano lousas digitais em todas as escolas da rede.

Com a inauguração de dois Centros de Educação Infantil no ano passado, CEI “Profª Maria Lúcia Batistetti Rodrigues”, no Bairro Santa Elizabeth, e CEI “Profª Maurícia Vilas Boas Delazari Alves”, no Bairro Camargo, e mais a ampliação das CEIS “Maria Isabel Abs Pimentel”, “Olga Giraldi”, “Ana Soares”, “Adalgisa Ward”, “Carolina Puzzielo”, “Dona Bidunga” e EMEB “Zainy Zequi”, fato que contribuirá com o aumento do número de vagas, nenhuma criança ficará fora das creches em 2011, sanando de uma vez por todas o déficit que havia. Em busca de atender a necessidade de alguns cidadãos avareenses, o prefeito pretende inaugurar ainda esse ano uma CEI noturna.

Com todos esses elementos, os educadores retornaram às aulas motivados e a educação em Avaré espera elevar os números do Ideb, superando a média de 5.5, que já foi maior que a média nacional e de cidades como Botucatu (4.9), Santos (5.3), São Paulo (5.2), Campinas (5.4) e Itu (5.3). (Da Secretaria Municipal de Comunicação)

 
 
Compartilhar

Notícias relacionadas