Em Tomazina-PR, mulher de 38 anos mata a facadas um homem de 65 e fere gravemente outro de 59

Os três combinaram um “arroz com frango” e a mulher quis usar droga (crack), mas, os homens a expulsaram, e ela voltou e esfaqueou os dois.

De acordo com o Setor de Comunicação Social do 2º BPM-PR, Policiais Militares realizaram a prisão de uma mulher de 38 anos, suspeita de matar a facadas um homem de 65 anos e de ferir gravemente outro, de 59 anos, na noite de domingo (26). O crime ocorreu por volta das 19h55 na residência da vítima do homicídio, localizada na Av. Tomas Lins de Alencar, Centro, Tomazina/PR.

Sobre o crime

De acordo com diligências preliminares, o homem de 59 anos, que foi esfaqueado, logo após retomar a consciência já no hospital em Jacarezinho, afirmou que os três combinaram de fazer uma janta (arroz com frango) na casa da vítima do homicídio, onde em dado momento, a mulher quis fazer uso de “crack”, sendo repreendida por eles, e na sequência furtou R$100,00 dele e guardou no sutiã. Neste momento ele e o amigo pediram para que ela fosse embora da casa. Ela saiu, mas retornou pouco tempo depois e o esfaqueou e neste momento perdeu a consciência e disse não lembrar de mais nada.

O homem de 59 anos foi encontrado ferido a golpes de faca no quintal da casa e o senhor (65 anos), também esfaqueado, foi encontrado na varanda da sua residência, já praticamente sem vida. Ambos foram socorridos, mas o senhor de 65 anos veio a falecer.
A faca utilizada no delito foi encontrada a 20 metros do local do crime. Ainda na casa foi encontrada uma lata (cor verde), já cortada para uso de “crack”.

Sobre a prisão

Ato contínuo ao crime, equipes PMs ficaram na preservação do local outras saíram em diligências. Com base no relatado de testemunhas, identificaram a mulher como suspeita do crime, sendo ela encontrada e presa, por volta das 21h15, na Rua Rachid Antônio, a 300 metros do local do crime, onde ela afirmou que compraria drogas num ponto de tráfico. Sua camiseta estava manchada de sangue, a qual também foi apreendida.

A mulher, conhecida no meio policial por envolvimento em outros crimes, moradora na Rua Aurélia Franco Chueiri, Bairro Banco da Terra, em Tomazina, recebeu voz de prisão e foi encaminhada para a Delegacia de Polícia local, onde ela ainda confirmou sobre a situação dos R$100,00 no sutiã, mas disse que havia perdido o dinheiro quando fugia da polícia. Ela ficou presa em flagrante.

Setor de Comunicação Social do 2º BPM

Compartilhar

Notícias relacionadas