Estadual mais votado na Cidade, 1.448 votos: Hélio Godoy, exemplo de luta e superação vem a Itaporanga para agradecer votação expressiva

Sua história é fantástica e ele estará neste domingo(12) na procissão de Nossa Senhora Aparecida, 10 quilômetros a pé até ao Bairro dos Silva, e depois no almoço do São Francisco, onde já neste sábado estará presente e trará uma Van lotada de prendas (caixas de frango, legumes, verduras e outros alimentos) para o almoço, além de brinquedos simples para as crianças. Cozinheiro também, vestirá o avental e fará parte da turma do fogão.

A história de luta e superação dele é boa ao ponto de mesmo não se elegendo deputado estadual, poder ser considerado um vencedor.

Itaporanguense, filho de pequeno agricultor, nascido no Bairro Pinga Fogo, batizado pela Dona Tarcila Maria Benini (esposa do falecido José Benini) que lhe deu o nome de Helio, aos 18 anos começou a enfrentar um “calvário” mas nunca perdeu a fé.

Queimado: 40 dias em UTI, 4 anos de tratamento e 15 cirurgias

No dia 18 de janeiro de 1983, quando trabalhava com um trator na preparação do solo para plantio em uma área arrendada por seu pai na Barra Grande, perto da Fazenda Maeda, Helio sofreu um acidente grave – fogo no trator – e ele teve mais de 50% do corpo queimado. O ex-vereador e presidente da Câmara de Itaporanga, Antonio Jonas de Lima trabalhava perto do local mas do outro lado do rio e assistiu tudo sem poder fazer nada.

Inicialmente Helio foi socorrido por Paulo que era motorista do ônibus que fazia a linha rural de Itaporanga até o Santo Antonio. Paulo parou o ônibus e como não podia trazê-lo à cidade saiu a procura de uma camioneta e conseguiu parar uma, que o trouxe em estado gravíssimo até o Hospital de Itaporanga, onde o Dr. Nelson Lamos Oliveira e seu enfermeiro Góes fizeram os primeiros atendimentos. Logo em seguida foi encaminhado às pressas para hospital especializado em São Paulo.

Fica 40 dias em UTI, sai deficiente, sem condições de movimentar pescoço, braços e pernas. Na capital mesmo encontra um médico de alma bondosa que topa ajuda-lo. Foram 4 anos de tratamento e 15 cirurgias reparadoras.

Enquanto fazia o tratamento, sempre lutando e demonstrando interesse pelo trabalho e continuação dos estudos – tinha só a 4ª série do antigo grupo – acaba encontrando uma  outra alma boa, um empresário paulistano para o qual passa a trabalhar. Esse o matricula junto com os filhos no colégio mais nobre da capital paulista, o Colégio Santa Cruz, de orientação católica, no Bairro Morumbi.

Conclui o colegial e depois, em 1989 muda-se para Sorocaba onde monta uma mercearia no Cerrado e faz faculdade de administração, com especialização em Administração Pública e Direito Urbanístico pela FADI. Neste ano, 2014, concluiu mais uma graduação: forma-se em Direito pela UNISO.

Neste sábado ele vem a Itaporanga para agradecer os 1.448 votos e a confiança depositada nele pela população, que demonstrou sua lealdade e esperança, pois, mesmo diante das dificuldades e trabalhos contra para desconstruí-lo, com o argumento forte de que quem votasse nele perderia o voto pelo fato de ele ter tido a candidatura impugnada, não por “Ficha Suja” mas por questões internas do partido, nas quais prevaleceram pressões de concorrentes políticos poderosos economicamente , o povo entendeu, e mesmo assim votou nele.

Performance nas eleições

O itaporanguense teve 1448 votos, liderando a votação entre os candidatos a deputado estadual no município. Godoy concorreu com quase 1900 candidatos em todo o Estado e obteve a 207ª. colocação e deixou para trás 129 concorrentes da Coligação PMDB-PP-PSD, ficando em 30º.

Excetuando-se apenas os da Capital e Campinas, Godoy já tinha sido o vereador mais bem votado do partido em 2012, quando recebeu 7046 votos e tornou-se o campeão de votos da história da reeleição na história da Câmara de Sorocaba e foi o 12º. em todo o Estado. Agora, ficou em 11º. entre os 45 candidatos do partido.

Mesmo com todas as dificuldades – como a não participação na propaganda eleitoral no Rádio e TV por causa da decisão do próprio partido, que cedeu à pressão de lideranças regionais da coligação e pediu a sua substituição – Helio Godoy obteve uma votação expressiva nas eleições do último domingo: 20.151 votos, sendo 15.505 em Sorocaba, 1448 em Itaporanga e 4646 nas demais cidades, a maioria delas no Sudoeste, como Coronel Macedo, Barão de Antonina, Taquarituba, Itararé, Riversul, Taguaí, Itaí, Avaré e Itapeva. “Agradeço imensamente a todos que me apoiaram e confiaram a mim o seu voto.”

A votação de Helio Godoy é considerada expressiva e demonstra que ele se consolida como uma nova liderança política na região com grande capacidade de articulação e transferência de votos. Prova disso é que o presidente do Partido e candidato a senador, Gilberto Kassab, obteve 7,8% dos votos em Sorocaba e 7,52% em Itaporanga quase dois pontos acima do que obteve em todo o Estado.

“Como amplamente já divulgado, minha candidatura foi fruto de uma decisão de partido, com apoio de várias lideranças nacionais e estaduais. Cumpri o acordo que fizemos. Infelizmente, depois de ter sido estimulado a participar, de apresentar toda a documentação pedida pela executiva e de ter meu nome aprovado na convenção do dia 30 de junho, mudaram de ideia, não restando alternativa a não ser o pedido do registro individual e de impugnação do colega que colocaram no meu lugar e que obteve apenas 12 mil votos”, diz Godoy, acrescentando que vai continuar, com cidadão e político cristão, atuando em defesa da integridade da família e em favor dos que mais precisam.

Trajetória política de Hélio Godoy

Sempre atuou em comunidades de bairro e nas comunidades católicas, nas pastorais sociais e cursos de casais. Também em entidades sociais, associações de moradores, culturais e esportivas. Integra ainda o Conselho de Leigos da Arquidiocese de Sorocaba e da ECC (Encontro de Casais com Cristo).

Foi candidato a vereador pela primeira vez em 2004, elegendo-se com 3.043 votos. Em 2008, foi reeleito com 6.384 votos, a maior votação já obtida em uma reeleição à Câmara local. E, em 2012, manteve o título de vereador reeleito com a maior votação, com 7.046 votos, sendo, ainda, o mais votado entre os 20 eleitos.

Dentre outras bandeiras defendidas na Câmara Municipal, atuou pela regularização dos núcleos habitacionais de Sorocaba e, por leis de sua autoria, criou o Programa Municipal de Habitação e Regularização Fundiária, que atende a mais de 80 núcleos, beneficiando mais de 25 mil famílias – cerca de 100 mil pessoas.

Graças leis de sua autoria aprovadas no Legislativo, o Poder Público Municipal já entregou seis mil escrituras de imóveis nas regiões dos bairros Ipiranga, Nova Esperança, Colorau, Refúgio, Laranjeiras, Itanguá, Guadalupe, Retiro São João, Zacarias, Sabiá e Julio de Mesquita Filho (Sorocaba I), entre outros, tudo com isenção de taxas, como o ITBI. Uma economia em média de quatro mil reais por imóveis regularizado.

Como parlamentar, presidiu as Comissões de Economia e Orçamento e de Habitação e Regularização Fundiária da Câmara. Foi autor do projeto de resolução que criou e foi membro da Comissão de Ciência e Tecnologia. Atuou na criação do Parque Tecnológico de Sorocaba, da Empresa Pública Nuplan – Núcleo de Planejamento Regional, e participou ativamente dos estudos que resultaram na implantação da Região Metropolitana de Sorocabana, com 26 municípios e quase dois milhões de habitantes.

De sua atuação legislativa, destacam-se ainda propostas aprovadas como a Lei Fundiária Municipal; a que estabeleceu alíquota zero do ITBI para a população de baixa renda na Habitação Popular; a que criou normas e fixou critérios para a acessibilidade das pessoas portadoras de necessidades especiais ou com mobilidade reduzida; a de Controle de Zoonoses, de População Animal e Posse Responsável; a de Legalização de Construções Populares de baixa renda, e a que criou Incentivo à Habitação Popular, além das que criaram normas tributárias e de incentivo às empresas e ao emprego, a partir da geração de renda.

Helio Godoy é autor da lei que beneficiou os funcionários públicos municipais criando a vacância, que proporciona ao servidor público chances de ascensão na carreira. Também é autor de Proposta de Emenda à Lei Orgânica do Município que exige “Ficha Limpa” dos nomeados (cargo em comissão) tanto na Prefeitura quanto na Câmara e órgãos da administração, como SAAE, Urbes e Parque Tecnológico.

Obteve vários prêmios como legislador e tem sido convidado para apresentar suas iniciativas legislativas, notadamente na aera de habitação de interesse social, em muitos municípios da região e de outros Estados, como Minas Gerais.

Em janeiro de 2013, Helio Godoy se licenciou do cargo de vereador para assumir a Secretaria de Habitação da Prefeitura de Sorocaba, a convite do prefeito Antônio Carlos Pannunzio (PSDB), e esteve à frente de grandes projetos habitacionais, como o programa CASA LEGAL, que visa regularizar os imóveis de áreas irregulares, e o programa NOSSA CASA, pelo qual iniciou 5.600 unidades.

Godoy voltou à Câmara municipal em Março de 2014, foi eleito por unanimidade presidente da Comissão Permanente de Habitação e Regularização Fundiária para acompanhar e propor diretrizes as habitacionais da cidade.

Também presidente a Comissão que estuda a problemática dos trens de carga na área urbana da cidade gerando transtornos ao trânsito, acidentes e dificuldades de acessibilidade. É ainda membro das comissões de Ciência e Tecnologia, Ética, e de Agricultura e Abastecimento.

Atualmente, Helio Godoy é o presidente do Partido Social Democrático em Sorocaba (PSD), legenda que ajudou a criar, em uma empreitada capitaneada pelo ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab, em 2011.

Membro da Executiva do PSDB de Sorocaba, partido ao qual estava filiado desde 1992, ano de fundação da legenda na cidade, é convidado a disputar vaga no Legislativo local.

Elege-se com 3.043 votos, sendo o 15º colocado na classificação geral entre os eleitos.

2005

Assume a cadeira no Legislativo e, como economista, imediatamente passa a presidir a Comissão de Orçamento e Finanças da Câmara.

Sua atuação como vereador é fortemente voltada para o social.

Cria a Comissão Especial de Regularização Fundiária e Habitação Popular, iniciando um novo período na vida do município, no qual a habitação e a legalização de bairros e núcleos irregulares passam a ser prioridade.

2006

Além da habitação popular e da legalização de moradias, organiza audiências públicas e seminários sobre o tema, discutindo com autoridades do Executivo e do Judiciário.

Coloca a regularização fundiária como projeto de governo no município.

Apoia projetos para juventude, proteção animal, responsabilidade social e importantes obras para a população.

2007

Consegue o início do trabalho de campo com cadastro socioeconômico para a regularização fundiária.

Realiza levantamento que aponta oito mil imóveis para serem legalizados.

Tem atuação participativa no partido.

Atua com destaque nas comissões da Câmara

Tem presença ativa na comunidade e em diversos eventos, seminários e congressos.

Conquista o prêmio “Melhor entre os melhores, tucano de ouro do PSDB”.

2008

Reelege-se vereador com 6.384 votos, a maior votação entre os que disputaram a reeleição na Câmara.

Obtém votos em todos os bairros da cidade.

Aprova Lei de Regularização Fundiária do município, entre outras importantes legislações voltadas ao tema.

2009

Inicia segundo mandato como vice-líder do prefeito Vitor Lippi (PSDB).

Preside importantes comissões da Câmara, como Orçamento e Finanças, Habitação e Regularização Fundiária e Acessibilidade.

Também preside a Comissão de Alteração da Lei Orgânica do Município.

Coordena a Frente Regional de Combate aos Efeitos da Crise Financeira Internacional em Sorocaba e região.

Apresenta emenda ao projeto da Prefeitura sobre a regularização fundiária, criando 32 Zonas de Especial Interesse Social, o que beneficiou mais de 25 mil famílias com o direito à regularização.

2010

Comunica sua desfiliação do PSDB em 18 de junho.

Aprova leis importantes de sua autoria nas áreas sociais.

2011

Torna-se um dos principais articuladores da criação do PSD de Gilberto Kassab em Sorocaba, colhendo assinaturas para a criação da legenda.

A convite do então prefeito de Itu, Herculano Passos Junior, reúne amigos e milhares de assinaturas em apoio ao PSD.

Assume a presidência do PSD em Sorocaba em setembro.

Em pouco tempo, filia pré-candidatos a vereador e lideranças para o novo partido.

Sob seu comando, filia 500 pessoas ao PSD.

2012

A convite das lideranças do PSD, transforma-se no pré-candidato a prefeito de Sorocaba para as eleições daquele ano.

Na Câmara, preside a Comissão de Economia, Finanças e Orçamento.

2013

Eleito para o terceiro mandato consecutivo com 7.046 votos, é o vereador mais bem votado de Sorocaba.

Atendendo a convite do prefeito Antônio Carlos Pannunzio (PSDB), assume a Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária em janeiro e licencia-se do mandato de vereador.

Quatro meses após a posse na secretaria, lança o Residencial Carandá com 2.560 unidades, o que representa metade da meta do prefeito de construção de moradias populares para os quatro anos do mandato. Em setembro, lança o Residencial Bem Viver, com 144 unidades.

Reorganiza a Secretaria de Habitação, o que garante o início de construção de 5.446 moradias e a colocação para aprovação de outras seis mil unidades já no primeiro ano.

O desenvolvimento leva o prefeito a dobrar a meta de construção para os quatro anos de cinco mil para 10 mil moradias.

Realiza pesquisa habitacional que apura existirem 36 mil famílias sem casa em Sorocaba com renda de até um salário mínimo.

2014

Em março, após sua saída da Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária, na qual esteve 14 meses à frente, Helio Godoy retorna à Câmara Municipal, apresentando, logo em sua primeira sessão, projeto que cria a comissão permanente de Habitação e Regularização Fundiária, que tem como objetivo o estudo, fiscalização e desenvolvimento dos projetos e programas habitacionais na cidade.

Apresenta proposta criando o Projeto Conservador de Águas autorizando a Prefeitura a premiar (com base em critérios técnicos e objetivos) os proprietários de imóveis urbanos e rurais que preservarem e protegerem nascentes, minas, córregos e rios. O objetivo é preservar os mananciais e garantir a qualidade e o abastecimento de água em Sorocaba e também em municípios vizinhos.

Compartilhar

Notícias relacionadas