Fim da angustia em Taquarituba: TSE decide que Miderson continua prefeito

Em sessão extraordinária realizada nesta segunda-feira, 17, o TSE – Tribunal Superior Eleitoral – pelos votos favoráveis dos 7 ministros decidiu acatar o recurso interposto pelo prefeito e médico reeleito em Taquarituba,  Miderson Zanello Milléo, que tinha sido considerado ficha suja por sua empresa médica prestar serviço a Santa Casa de Taquarituba até 100 dias antes do período eleitoral.

A parte denunciante alegava que ele deveria ter se desincompatibilizado da função 120 dias antes. Ele desincompatibilizou há 100 dias, e também, essa parte alegava que na condição de prefeito não poderia atuar em órgão público(Santa Casa), A sua defesa provou que a Santa Casa é uma instituição (associação particular filantrópica) e sem nenhum vínculo com o poder público.

Compartilhar

Notícias relacionadas