HC/Unesp vai operar 25 crianças com fimose ou érnia durante mutirão inédito, dia 21 de agosto

O Hospital das Clínicas (HC), vinculado à Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) integrará, dia 21 de agosto,  pela primeira vez, um mutirão nacional de cirurgia pediátrica. Durante esse dia, 25 crianças com idades entre três e 12 anos com érnia unilateral ou fimose passarão pelo procedimento. A iniciativa, que já ocorre há alguns anos, é da Sociedade Brasileira de Cirurgia Pediátrica.
Os pacientes, que estão na fila de espera há quatro anos, em média, não precisarão ficar internados, já que a intervenção é simples e dura pouco tempo. Estarão acompanhados de pais ou responsáveis, que terão direito a almoço por conta do hospital. Já as crianças receberão um lanche após a cirurgia, enquanto se recuperam na recém-reformada ala de pós-operatório do HC.

Assim que chegarem ao hospital, antes se dirigirem ao Centro Cirúrgico, eles serão recepcionados, na área destinada aos pacientes de alta, pelos integrantes do grupo “Médicos da Alegria”. Devidamente caracterizados, os doutores vestidos de palhaço envolverão os pacientes com brincadeiras e diversão, com objetivo de amenizar a ansiedade e insegurança dos pequenos pacientes. Eles estarão, com exceção do momento da cirurgia, o tempo todo junto com os acompanhantes, o que reforça a preocupação com a humanização do atendimento realizado no Hospital das Clínicas.

A equipe médica responsável pelo mutirão é composta pelos seguintes profissionais: Dra. Erika Ortolan, Dr. Bonifácio Takegawa e Dra Rozemeire Marques, além de alguns residentes. A professora Norma Pinheiro Modolo coordenará a equipe de anestesistas pediátricos.  (Leandro Rocha, da Assessoria de Comunicação e Imprensa da FMB e HC/Unesp)

Compartilhar

Notícias relacionadas