Itaporanguense lança livro sobre a história e o desenvolvimento de Itaporanga

Luiz Gonzaga de Carvalhocapa e contracapa do livro

No próximo 11 de fevereiro, das 18h às 21h, na Câmara Municipal de Itaporanga-SP, o escritor itaporanguense Luiz Gonzaga de Carvalho fará o lançamento e sessão de autógrafos da 1ª edição do seu livro Itaporanga Sua História, Seu Desenvolvimento.

Com 218 páginas, a obra de LGC torna-se o primeiro livro completo sobre a Cidade, para que o leitor viaje nos 167 anos de história de Itaporanga, desde a fundação até aos dias atuais, com ricas informações sobre o desenvolvimento socioeconômico e sociocultural desse período, ilustrado fotos antigas.

Nesse livro, LGC que é dono de uma memória fotográfica – descreve nos capítulos Memórias de um matuto – recordações da sua infância, das ousadas travessuras como a de quando pulou no lombo de um cavalo e este desembestou pela então Rua Cel. Macedo(hoje Dr. Felipe Vita), quando esta era de terra e com poucos casarões de taipa.

Sobre o médico Felipe Vita, ele se recorda e descreve a cena dos últimos instantes, da aflição desse homem na janela de sua casa com grave crise de asma. Foi ele, o garoto Luiz que correu avisar um parente que veio imediatamente socorre-lo, transportando-o logo em seguida em seu próprio carro (único na cidade) em direção a Santa Casa de Itararé. Mas essa tentativa de socorro durou pouco e apenas alguns quilômetros foram percorridos, pois o Dr. Felipe não suportou a agonia e no desespero deu fim a sua vida de uma forma… Atente que quando aparecer reticências nos próximos parágrafos, é porque o Itaponews optou por não revelar detalhes interessantes da obra, os quais, estão contidos no livro.

Essa e outras como a de um escrivão de polícia que não gostava de ver crianças jogando bola e andava sempre com um canivete para cortá-las. Certo dia prepararam-lhe uma bola que continha…

Além dessas, o autor pesquisou com muita propriedade os nomes e ações dos personagens itaporanguenses que já se foram e emprestam nomes a ruas e estabelecimentos públicos, como o de Elisa Novelli(nome de escola) que, como parteira, ajudou muitos itaporanguenses a virem ao mundo.

LGC registra também a expectativa da chegada da estrada de ferro Itararé-Fartura, passando por Itaporanga, descrita pelo padre Aquino, em um português culto e elegante num jornal da época. Porém, a construção dessa estrada que certamente impulsionaria o desenvolvimento de Itaporanga, chegou bem próximo e parou a alguns poucos quilômetros  da Cidade, por…

A obra registra também um fato agradável que continua acontecendo: os casamentos de Itaporanguenses e vice-versa com familiares de Riversul, Barão de Antonina(Núcleo), Coronel Macedo(Revolta), Taquarituba(Formiguinha), Salto e Santana do Itararé, ambas no Estado do Paraná. Por isso, os nomes dessas cidades sempre aparecerão nas biografias de personagens do livro.

Essa publicação de LGC é resultado de um ano de trabalhos minuciosos  de pesquisas em órgãos públicos, publicações esparsas do passado  e entrevistas com itaporanguenses mais maduros. Daí, podermos afirmar que se trata de uma obra literária agradável, com função didática para ajudar estudantes, e que certamente ficará para a posteridade como fonte perfeita da nossa história, desde a fundação até aos dias de hoje. Com isso, os futuros escritores não terão tanto trabalho como LGC teve para escrever Itaporanga daqui para a frente. “Viver no mundo sem tomar consciência do siginificado de onde vivemos é como vagar por uma imensa biblioteca sem tocar nos livros”, registra o autor.

Luiz Gonzaga de Carvalho nasceu em Itaporanga em 07 de dezembro de 1934, onde reside. Formado professor primário, com curso superior de Pedagogia e Administração Escolar na Universidade Brás Cubas, em Mogi das Cruzes. Exerceu cargos de professor primário em Barão de Antonina, Cotia, Jacarei e diretor de escola em São Paulo e Itaporanga.

Atuou como radialista e, eventualmente, como jornalista em Itaporanga.
Aposentado, atualmente “brinca de escrever”, como registra no livro.

Compartilhar

Notícias relacionadas