Luiz G. de Carvalho: Inauguração da Nova Ala do H e M. N.S. das Graças e Posse da Nova Provedoria

 

Nosso Hospital vive, hoje, seus melhores momentos desde sua criação em 1 949 e edificação do seu primeiro bloco, que durou até a 2ª metade da década de 50, do século passado, chegando ao todo que é hoje, idealizado na época, por um grupo de representantes das melhores cabeças de nossa comunidade, cuja população urbana não alcançava mais de 2 000 moradores, mas que, uníssona, não regateou vontade nem esforços, movimentando-se para obter recursos próprios, internos, para tornar possível um sonho e uma necessidade prioritária: a construção do seu Hospital, unidade que representasse a garantia de um mínimo de assistência médica a nossa gente.

Então, desde sua inauguração, na 2ª metade da década de 50, século XX, sua sede teve significativas ampliações, acompanhando ao aumento da população. Mas seu real e efetivo desenvolvimento e eficiência de serviços precisava de uma força, uma vontade maior que se manifestasse num pilar central de sustentação de uma estrutura única de harmonia e realização: um grupo de verdadeiros idealistas, de sonhadores natos, empreendedores de propósitos firmes e determinados, visionários humildes e serenos, capazes de enxergar no fundo dos olhos, principalmente, das almas desprotegidas, as oportunidade de servir e promover o bem e pelo bem.

E sem prejuízo do reconhecimento dos esforços também importantes das administrações passadas, creio não tem sido outra a posição da Equipe Técnica-Administrativa atual do nosso Hospital composta por Fabiana Lolle – Superintendente, Antônio Rodrigo Müller Valente – Administrador, Antônio Marcelo Siqueira – Contador e Alice Fernanda Bezerra – Auxiliar de Escritório, inspirada pela experiência, competência profissional e dedicação inquestionáveis do Dr. Augusto Manoel de Carvalho, a Instituição tem garantido à população da nossa microrregião excelentes serviços respeitados, é claro, suas limitações orçamentárias que limitam contratações de pessoal e aquisição de equipamentos mais sofisticados.

As concessões governamentais, repasses de verbas advindas de emendas parlamentares Estaduais e Federais, mais expressivas concessões de Entidades de Ordem Social, como a Pró Vida ao nosso Hospital, dizem muito da eficiência e acerto da sua atual administração, resultando em confiança e apoio aos seus projetos de desenvolvimento, destinados a aumentar e melhorar ainda mais a qualidade de seus serviços.

À população em geral, fica o convite para constatar “ in loco ¨ as atuais condições físicas e de serviços de nosso Hospital que, proporcionalmente e consideradas as impressões da imprensa falada e escrita, podemos acreditar que somos bem mais eficientes do que boa parte da Rede Hospitalar do País.

Os números demonstrativos e respectivos resultados obtidos das ações da Provedoria 2 012/2015, encabeçada pelo Padre Jonas Alves Carreiro (Provedor), são registrados em seguida para conhecimento e análise do público.

No biênio 2012/2013, foram realizadas as seguintes obras: construção da capela, reforma do Departamento de Administração, Secretaria, Almoxarifado e Farmácia, construção de local adequado para abrigar os gases medicinais, construção de local adequado para o armazenamento do lixo hospitalar.

No mesmo período, foram realizados os seguintes investimentos: Aquisição de equipamentos de Informática e Comunicação, Ar Condicionado, Gerador de Energia, Equipamento para Manutenção e Ferramentas, Ultrassom Sony ProSeries GE, Monitor de Sinais Vitais MX300D, Fototerapia Fanem, Bomba de Infusão e Oxímetro de Pulso, totalizando R$ 90.649,27.

Além das reformas e aquisições de equipamentos acima citados, a entidade ainda conseguiu quitar os seguintes débitos: Acordo Trabalhistas no valor de R$ 42.000,00, Acordo Judicial com fornecedores no valor de R$ 46.200,00, débitos junto ao SPC e SERASA no valor de R$ 10.000,00, Refinanciamento de débitos junto à União, no valor de R$ 2.342.065,26 em 160 parcelas, débitos junto ao CADIN (Governo Estadual) no valor de R$ 8.201,85, débitos junto ao DICON referente ao convênio nº 2027/2004, no valor de R$ 221.042,45.

As medidas administrativas junto aos órgãos acima descritos, proporcionaram a entidade as Certidões Negativas de Débitos o que habilitou a entidade a receber Emendas Parlamentares, no ano de 2013, o hospital recebeu R$ 200.000,00 para custeio, por indicação do então Deputado Estadual Dr. Ulisses Tassinari e R$ 40.000,00 do Governo do Estado de São Paulo, referente à incentivos às Santas Casas. Em 2014, foram R$ 20.000,00 do Governo Estadual e R$ 50.000,00 referente a Emenda Parlamentar, por indicação do Deputado Federal Paulinho da Força, para aquisição de equipamentos, quando foi comprado um Ventilador Mecânico e um monitor de sinais vitais.

No biênio 2014/2015, a entidade realizou as seguintes obras: Reforma da Cozinha, Reforma de cinco quartos destinados à pacientes do SUS, Reforma Total do Telhado, com colocação de estrutura metálica com telhas de zinco, Contratação de empresa especializada em Fundações para resolução de sérios problemas estruturais e colocação de 88 (oitenta e oito) estacas de concreto e início da Obra de Ampliação do Pronto Socorro, totalizando R$ 522.021,58 em investimentos.

Ainda, no mesmo período, a entidade fez adesão ao PROSUS – Programa de Fortalecimento das Entidades Privadas Filantrópicas e das Entidades sem Fins Lucrativos que Atuam na Área da Saúde e que Participam de Forma Complementar do Sistema Único de Saúde, destinado às entidades privadas sem fins lucrativos que atuam de forma complementar ao SUS e que se encontram em grave situação econômico-financeira, e que têm como finalidade garantir acesso e qualidade nas ações e serviços oferecidos pelo SUS; Viabilizar a manutenção da capacidade e qualidade de atendimento; Promover a recuperação dos créditos tributários e não tributários devidos à União; Apoiar a recuperação econômica e financeira das entidades filantrópicas. Com a adesão ao PROSUS, o HMNSG deixou de pagar a parcela do REFIS, em aproximadamente R$ 18.000,00/mês e passou a oferecer ao SUS, um percentual de 5% (cinco por cento) de serviços de saúde ambulatoriais e de internação em caráter adicional aos já realizados durante os próximos 15 (quinze) anos.

Em 2015, o hospital recebeu em doações através da PRO-VIDA, 25 poltronas, 25 camas e escadas, 25 mesas de cabeceira e refeição, 1 eletrocardiograma, 1 berço aquecido de cuidados intensivos e 1 ventilador pulmonar, no valor total de R$ 120.225,12 em equipamentos, além de R$ 60.260,75 em materiais de construção.

Ainda no mesmo mandato, 2014/2015, a entidade adquiriu com recursos próprios, equipamentos de informática e comunicação, ar condicionado, móveis para a recepção, uma incubadora, um detector fetal, totalizando R$ 52.609,81 em investimentos.

À Provedoria, exercício 2016/2017, recém-eleita, encabeçada pelo Padre Basílio, nossos cumprimentos e o desejo de muita inspiração e sucesso nessa empreitada que é da maior importância não só para os itaporanguenses, mas para toda nossa microrregião.

Luiz Gonzaga de Carvalho
Diretor de Comunicação

Compartilhar

Notícias relacionadas