Multada pelo TCE, Avaré diz ter tomado sim providências em um caso de irregularidade de uma administração anterior

Uma nota divulgada à imprensa pela Secretaria de Comunicação informa que o município tomou sim providências, com a instauração de uma sindicância para apurar possíveis irregularidades no ano de 2006 da administração do ex-prefeito Joselyr Silvestre, na contratação de uma empresa para pavimentação e construção de guias e sarjetas.

Diz a nota: "Assunto, sindicância para apuração de irregularidades em contratação de empresa em 2006, durante o governo do ex-prefeito Joselyr Silvestre.
 
Em relação às recentes citações e informações publicadas sobre o caso citado acima, a prefeitura esclarece que tendeu sim às determinações do Tribunal de Contas do Estado. O prefeito Paulo Dias Novaes Filho determinou a instauração de uma Comissão de Sindicância Administrativa Disciplinar, constituída pela portaria 6551/13 e aberta pela portaria 033/13, da Secretaria Municipal de Administração.
 
A comissão visava apurar irregularidades em contratação feita pelo ex-prefeito Joselyr Silvestre junto à empresa Vale do Rio Novo para execução de pavimentação asfáltica e a implantação de guias e sarjetas.
Em 14 de novembro de 2013, a Procuradoria Geral do Município concluiu relatório após deliberação de todos os membros da comissão e o protocolou no dia 20 de novembro na unidade regional do TCE em Bauru.
 
Informamos ainda que o município vai recorrer da multa recebida em razão do caso, visto que todas as devidas providências foram tomadas e encaminhadas ao TCE".
 
Secretaria de Comunicação
Prefeitura da Estância Turística de Avaré

Compartilhar

Notícias relacionadas