Paineira com mais de 60 anos na Maneco: poda seguirá critérios e normas do Comdema

Medida visa proteger integridade física de alunos e funcionários da escola – A polêmica em torno da bela paineira da Escola Municipal de Ensino Básico Maneco Dionísio está esclarecida por uma resolução do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Comdema).

O órgão ambiental aprovou em reunião que a árvore, conhecida como paineira-rosa, espécie nativa de grande porte e com mais de 60 anos de existência, passará por uma poda a ser feita por profissionais especializados seguindo normas e critérios estabelecidos pela resolução. A poda terá o apoio de pessoal da CPFL Santa Cruz.

A medida é necessária porque a quadra, a casa do zelador e a cozinha da EMEB foram construídas bem próximas da paineira e o risco de queda de galhos grandes e pesados durante chuvas pode ameaçar a vida e a integridade física dos alunos e funcionários da escola.

O Comdema considera ainda que a área do entorno do prédio da EMEB Maneco Dionísio (tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural de Avaré – Condephac) é considerada como área de amortecimento de impactos ambientais e, portanto, “deve ser especialmente protegida”.

“É importante ressaltar que o brasão da escola, criado pelo professor, jornalista e historiador José Leandro Franzolin, traz consigo símbolos referentes à paineira, fazendo parte da história da escola e do município”, observa a resolução do Comdema.

A mesma resolução aprova “a realização imediata e em caráter emergencial e preventivo, de poda de limpeza, leve, reduzindo a projeção da copa, usando ferramentas adequadas, eliminando-se os galhos e ramos mortos, ressecados e mal formados, visto que a última poda foi realizada em maio de 2012”.

Esse serviço eliminará ramos e galhos velhos e os que estão sobre a casa do zelador e sobre a quadra, bem como aqueles que aparentam risco de queda. “No ato da poda, deve-se garantir a permanência de parte da copa para que a planta possa florescer e dar frutos (painas)”, acrescenta a resolução.

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente informou que a poda será realizada no próximo domingo, 20 de julho, a partir das 7h. Antes será feita a coleta de sementes para reprodução de mudas em viveiros e posterior plantio de no mínimo um exemplar na praça no entorno da escola.

 

Compartilhar

Notícias relacionadas