Pode? Ladrão invade casa, se passa por dono, contrata caminhão e começa carregar a mudança

O fato extremamente ousado aconteceu na semana passada, na Rua Leonil de Oliveira Reis, Vila São José, em Santo Antônio da Platina-PR. E o mesmo acusado é suspeito de um homicídio em Ribeirão do Pinhal, e ainda de ter furtado a base da PRF, de onde teria levado dois celulares.

De acordo com o Setor de Comunicação Social do 2º BPM-PR, Policiais Militares realizaram a prisão de um indivíduo de 33 anos, logo após ele ser detido por populares, quando adentrava numa residência para roubar ou furtar o imóvel que não tinha ninguém dentro no momento.

Ele estava armado com uma faca no momento em que foi detido. Indagado, o acusado confirmou que já havia realizado um furto no mesmo dia, por volta das 17h, numa residência localizada na Rua Antônio da Castro Vilas Boas, Bairro Vista Alegre, de onde foram subtraídos objetos e uma motocicleta.

Neste crime, do Bairro Vista Alegre, se passando por morador da casa, o suspeito contratou um caminhão e estava levando todos os móveis da vítima (não havia ninguém na casa neste momento), afirmando ao motorista que estava se mudando.

Ao começarem a carregar os móveis, o motorista foi alertado por vizinhos que aquele indivíduo não era o morador, sendo, então, a Polícia Militar foi acionada, mas o suspeito se evadiu tomando rumo ignorado.

Na sequência, o filho do morador chegou ao local e constatou que foram furtados alguns objetos e uma motocicleta, uma Honda CG 125 FAN, placa AQU-9644, cor cinza.

Além desses fatos, com base em diligências anteriores, o detido é o principal suspeito de ser o autor de um homicídio ocorrido em Ribeirão do Pinhal, em 25/09/2020, crime no qual um homem (55 anos) foi morto por golpe de faca no pescoço. Ele também é suspeito de ter furtado dois aparelhos celulares da base da PRF de Santo Antônio da Platina.

Compartilhar

Notícias relacionadas

Se inscreva
Notificação de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments