Polícia prende suspeita do assassinato de “Paulinho Cebera”, há dez meses

Segundo a Polícia Civil, no dia 07 de outubro de 2015, por volta da das 23h, a Delegacia de Polícia de Itaporanga foi informada sobre encontro de um cadáver masculino às margens da SP-281, na altura do Bairro da Biquinha.

Uma equipe se deslocou até o local e identificou a vítima como sendo Paulo Aparecido Gomes da Silva, conhecido como “Paulinho Cebera”, morador daquele bairro. Ele apresentava sinais de espancamentos a tijoladas na cabeça.

Imediatamente uma equipe iniciou investigações e de imediato foi levantada suspeita que a autora do crime poderia ser sua ex-amásia R.C.R, na época com 20 anos, moradora no Bairro IAFAM e foram feitas várias tentativas para prendê-la, porém sem sucesso, pois ela fugiu da cidade prejudicando as investigações.

Nessa circunstância, a Polícia Civil então solicitou na Justiça um mando de prisão temporária de 30 dias para término das investigações, e a partir de então o setor de Investigações da Polícia Civil de Itaporanga realizou incessantes diligências visando a sua captura.

Nas investigações foi apurado que ela R.C.R poderia estar residindo na cidade de Itapetininga, e nesta quinta-feira (25/08), dez meses após o crime, a Polícia Civil de Itaporanga em conjunto com as polícias Civil e Militar de Itapetininga, obteve êxito na sua prisão nessa cidade.
R.C.R encontrava-se amasiada há três meses com um outro rapaz de Itapetininga, e os policiais ao pesquisarem o seu nome, constou também que ele era procurado pela Justiça por crime de tráfico de drogas.

A investigada R.C.R foi conduzida à Cadeia Feminina de Porangaba/SP, onde permanecerá à disposição da Delegacia de Polícia de Itaporanga pelo prazo de 30 dias, podendo ser prorrogado para mais 30 dias para término das investigações, e assim, certamente, se comprovada sua autoria no homicídio será requisitado na Justiça sua prisão preventiva, que se deferida, aguardará presa até o seu julgamento.

E a Polícia Civil informou que prossegue com as investigações para apurar participações de eventuais coautores nesse homicídio.

Compartilhar

Notícias relacionadas