Prefeito de Itararé volta ao cargo

csPor decisão do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, o prefeito de Itararé, Luis César Perúcio,  que no último dia 24 havia sido afastado por decisão judicial da Comarca local, foi reconduzido ao cargo nesta segunda-feira, 29. O site da Prefeitura de Itararé, em postagem feita hoje(01/09) às 15h57, informou a volta de Perúcio, com

o seguinte teor: "Decisões administrativas tomadas por assessores ao longo de sua gestão, sem os devidos cuidados jurídicos e sem seu inteiro conhecimento, segundo ele, aliado à interesses políticos contrários, contribuíram para que a promotoria de Itararé, em ação civil pública, pedisse seu afastamento do cargo no último dia 23 de agosto.

O motivo seriam problemas em uma licitação para compra de merenda escolar. Em ação civil pública, os promotores de Justiça Bruno de Moura Campos e Marcelo Silva Cassola, pediram seu afastamento cautelar e a suspensão de um pregão aberto para a compra de gêneros alimentícios para a merenda escolar pela prefeitura.

Na semana anterior, o MP havia obtido a condenação do prefeito à perda do cargo e dos direitos políticos por oito anos, além do ressarcimento de R$ 185,6 mil aos cofres públicos e pagamento de multa civil no mesmo valor. Segundo Perucio, após ter sido notificado oficialmente da sentença, ingressou imediatamente com ação de recurso em segunda estância, com vastas documentações e novas argumentações que possam convencer os magistrados de sua inocência no processo.

Após a decisão condenatória do Juiz da Comarca de Itararé, “alas” adversárias do prefeito formalizou denuncia junto à Camara Municipal e pleiteou a criação de uma CEI “Comissão Especial de Investigação” para apurar as possíveis irregularidade, sendo acolhido pelos vereadores que em votação, decidiram pela formação da “CEI” por sete votos favoráveis e três contrários. Os parlamentares tem 90 dias para concluir o relatório dos trabalhos ou pedir sua prorrogação por outro prazo igual. Após concluído, haverá nova votação para decisão final.

Por decisão Judicial, o vice-prefeito José Eduardo Ferreira assumiu o cargo no dia 24, quarta-feira e permaneceu até o dia 29, segunda-feira, quando Oficiais de Justiça munidos da decisão do Tribunal de Justiça do Estado, reconduziram o prefeito ao seu cargo.

Cesar Perucio, afirmou ter formulado uma sindicância para apurar se houve irregularidades realmente em algumas aquisições feitas pela prefeitura que originasse essas denuncias e, se constatadas, não medirá esforços para que os culpados paguem pelos seus atos . “É injusto me crucificarem tanto por coisas que não fiz, por erros que não cometi. Se houve coisas erradas, fizeram sem meu conhecimento e vamos apurar e responsabilizar os verdadeiros culpados. Sou um homem humilde e de bem, nunca tive más intenções e sempre condenei coisas erradas; o povo pode ter certeza disso”, esclareceu. Informou o site da prefeitura)

O que já foi publicado sobre o caso

Novo prefeito de Itararé fala ao Itaponews

Justiça afasta do cargo prefeito de Itararé

Câmara de Itararé acolhe denúncia contra o prefeito e constitui comissão processante

Compartilhar

Notícias relacionadas