Rachaduras CDHU Itapeva: Câmara envia ao Ministério Público

Os blocos 141 e 151 do Conjunto Habitacional Paulina de Morais estão oferecendo riscos aos moradores e o Legislativo tem procurado encontrar uma solução para essa difícil  situação. O problema de trincas em blocos do Conjunto Habitacional Paulina de Morais – CDHU tem preocupado os mutuários que nesse sentido já fizeram diversas reivindicações na Câmara Municipal.

A situação foi levada ao conhecimento das autoridades do governo estadual, da CDHU e agora foi encaminhado ofício com diversos documentos ao Ministério Público, para que uma solução seja encontrada.

No documento os vereadores deram conhecimento ao Representante do Ministério Público, sobre  eventuais problemas graves nos Blocos 141 e 151 de apartamentos da CDHU, que segundo avaliação preliminar de alguns profissionais da área de engenharia,  o prédio corre o  sério risco de desabamento.

Ressaltaram  que desde julho de 2011 o Legislativo vem tentando buscar soluções junto aos possíveis responsáveis pela construção do Conjunto Habitacional Paulina de Moraes na cidade de Itapeva.

Nesse sentido enviou vários requerimentos solicitando informações sobre a questão, bem como enviou ofícios relatando o ocorrido, entretanto não recebeu resposta condizente com a situação de risco.

Os requerimentos enviados abordaram assuntos como responsabilidade pelo reparo dos blocos de apartamentos, taxa de seguro embutida na prestação mensal, cobertura do referido seguro e pedidos de providência no sentido de reparo das construções.

Considerando a iminência do risco a que estão submetidos os moradores do Conjunto Habitacional na sessão da Câmara realizada no dia 17 de novembro, após diversos vereadores utilizarem da palavra para falar da gravidade dos fatos, ficou deliberado que na data de 21 de novembro, segunda-feira, às 14h00 iram se reunir na sede da Câmara Municipal, todos os vereadores mais o Secretário Municipal de Obras – Engenheiro Francisco Vasconcelos Araujo e o Engenheiro Luiz Fernando C. Butzer responsável pelo CDHU em Itapeva.

O Presidente da Câmara fez os convites, sendo que o Secretário Municipal de Obras alegou compromissos anteriormente assumidos e não poderia comparecer, o Engº Luiz Fernando C. Butzer informou por telefone que é  contratado para prestar serviços  a CDHU e que não poderia se manifestar sobre o assunto.

Diante do exposto e da gravidade da situação os vereadores tomaram a iniciativa de dar ciência ao do que está ocorrendo ao Ministério Publica, anexando ao processo  cópia dos requerimentos enviados a CDHU.Além foram encaminhadas cópias do ofício subscrito por todos os vereadores ao prefeito Luiz Cavani, ao Governador Geraldo Alckmin e ao Secretário de Estado da Habitação Sr. Silvio Torres. (Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Itapeva).

Compartilhar

Notícias relacionadas