Sonho realizado: Construção de casas chega à reta final em Coronel Macedo

(Do Jornal Sudoeste Paulista) – Os beneficiados pelas moradias do Programa Casa no Campo, em Coronel Macedo, acompanham a cada dia o sonho da casa própria tornar-se realidade. Essa semana o prefeito Edivaldo Neres de Meira, acompanhado pelos vereadores Marcão Barbosa, Téo Garcia e Miderson Eduardo, foi conferir o andamento das construções no bairro da zona rural Águas dos Patos. Satisfeitos com o desenvolvimento da obra, cumprimentaram as famílias pelo sonho tão esperado haver se tornado realidade, já que em breve, se inicia um novo ciclo na vida das quatro contempladas naquela localidade.

CONQUISTA – Os recursos para a construção das moradias na zona rural são frutos dos bons relacionamentos mantidos pelo prefeito Edivaldo e por Marcão, já que conquistaram os valores junto a Cooperativa de Habitação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar (Cooperhaf/SP) e desta forma, agraciaram aos moradores com esse importante sonho.

MAIS CASAS – Além das 14 moradias que estão sendo construídas a Prefeitura recebeu confirmação que estarão disponíveis em breve, recursos para construção de mais 40 unidades habitacionais rurais. As unidades habitacionais isoladas destinadas aos municípios integra o Programa Casa Paulista/Habitação Rural implementado em parceria com o Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR), do Governo Federal.

LUTA – “Essa é uma conquista muito importante para nossa população, pois, muitas famílias de trabalhadores rurais vão ter sua casa própria, é uma luta nossa de tempos junto ao presidente da Cooperhaf/SP, Marco Antonio Pimentel”, disse Marcão. “Os moradores contemplados merecem o reconhecimento e o mérito por darem credito ao que apresentamos desde o inicio, por acreditarem também em todos os envolvidos na caminhada”, enfatiza Marcão. “Fomos em frente, ajudamos a vencer a burocracia e prestamos o que de melhor um cidadão espera de um homem publico: trabalho sério, trabalho honesto, trabalho que rende frutos, que aparece de forma concreta e pioneira”, continua.

VISITA – A visita aconteceu às obras da casa da família do Tiede, de Arlindo, Érica e dona Dirce. Ainda na futura residência do casal Roberto e Sueli, onde fizeram questão de frisar que a moradia estará sempre de portas abertas para o prefeito Edivaldo Neres e a Marcão. “Pessoas que aprendemos a admirar pelo trabalho e, por cumprirem com a palavra empenhada”, comentou Roberto.

SOBRE – A entidade organizadora dos projetos habitacionais rurais junto ao PNHR é a Cooperativa de Habitação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar (Cooperhaf/SP). O programa tem como objetivo atender famílias de agricultores e trabalhadores rurais cuja renda anual bruta não ultrapasse R$ 15 mil, condicionado a que não tenham recebido atendimento habitacional anterior e sejam apresentados por entidades organizadoras. É voltado à produção ou reforma de moradias. Com a parceria estabelecida com o Governo do Estado, a Secretaria da Habitação/Casa Paulista pode aportar mais R$ 10 mil por unidade habitacional, possibilitando, com R$ 38,5 mil, construir uma casa bem melhor, principalmente em termos de acabamentos. O programa de habitação rural faz parte do termo de cooperação assinado entre os governos estadual e federal, em janeiro de 2012, para a contratação de 120 mil moradias populares no Estado de São Paulo. Até agora, mais de 42 mil unidades estão sendo viabilizadas por meio da parceria com o Banco do Brasil e a Caixa.

Compartilhar

Notícias relacionadas