SWAT americana e BOPE/RJ em Avaré

DSC01232Maior treinamento policial da América Latina – O Centro Avançado em Técnicas de Imobilização (CATI), em parceria com a SWAT americana, realizará mais uma vez um dos maiores treinamentos táticos policiais da América Latina, o 13º SWAT. O curso, voltado para agentes de segurança pública, acontece entre os dias 11 e 19 deste mês em Avaré. O objetivo é agregar mais conhecimento técnico ao profissional

da segurança, tornando mais seguro e eficiente o dia-a-dia dos policiais em operações de alto risco, preservando a vida, respeitando os direitos humanos, valorizando o trabalho em equipe e mantendo a eficácia da ordem pública sem utilização da força bruta.

O evento traz ao Brasil quatro oficiais da SWAT de Dallas, considerado o melhor departamento policial dos Estados Unidos, os quais se juntarão aos policiais do BOPE/RJ, do GATE/SP, do GATE/MG, além de instrutores do CATI, para ensinar técnicas de imobilização, Gerenciamento de Crises e Negociação com Reféns Localizados, Tiroem Baixa Luminosidade, Resgate de Reféns, Tiroem Ambientes Fechados, Assalto a Ônibus, Progressão em Favelas, Anti-Terrorismo (com foco na Copa de 2014 e Olimpíadas de 2016), Resgate e Atendimento de Policial Ferido (APH Tático) e Simulação de operações SWAT.

Todas as técnicas serão ensinadas da maneira mais real possível e os locais serão preparados para que as simulações remetam os participantes às verdadeiras ações policiais. Importante ressaltar que o curso é destinado somente a agentes que compõem a segurança pública do País, tais como policiais federais, civis, militares, integrantes das Forças Armadas, Guardas Municipais, Agentes de Segurança Penitenciária, Agentes de Segurança da Justiça Federal, dentre outros. Neste ano, seguindo uma política de 2010, participarão também policiais de outros países como Argentina, México, Equador e Venezuela. Está prevista ainda a participação de policiais de Portugal, Itália, África e Uruguai.
Sobre o CATI

É a única empresa multinacional de treinamento policial a ter autorização do Departamento de Dallas para recrutar os integrantes da SWAT para ministrar cursos ao redor do mundo. Uma de suas grandes ações foi o treinamento de urgência que realizou para os soldados norte-americanos que foram combater no Afeganistão. Tal credibilidade permitiu instalar uma filial no Texas (EUA), em Lisboa (Portugal) e uma em Vitória (ES).

O Centro também recebeu uma menção honrosa da Nasa, agência espacial norte-americana, que classificou o fundador do CATI, o brasileiro Marcos do Val, como um “profissional do mais alto nível de policiamento e táticas policiais”, após realizar o curso de Imobilizações Táticas para a agência. O objetivo foi capacitar a equipe para prevenção de ataques antiterroristas.

Compartilhar

Notícias relacionadas