Vacina chinesa: estudo com mais de 50 mil voluntários na China mostra segurança de vacina contra o coronavírus

Instituto Butantan conduz no Brasil os testes clínicos da Coronavac na fase 3, que já vacinou quase 6 mil voluntários O governador João Doria anunciou nesta quarta-feira (23) os resultados de uma pesquisa com 50.027 voluntários na China que demonstram que a vacina Coronavac, desenvolvida pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica Sinovac Life Science, é segura e não apresentou reações adversas significativas. Do total de voluntários, 94,7% não tiveram nenhuma reação adversa. Outros 5,3% sentiram efeitos adversos de grau baixo, como dor no local da aplicação, febre moderada…

Compartilhar