Caso do homem que esteve em Itaporanga e morreu de febre hemorrágica: secretária municipal de Saúde diz que não há motivo para pânico

O caso está tendo uma repercussão nacional, porque é o 1º no País depois de 20 anos. A vítima, um homem de 52 anos, morador de Sorocaba-SP esteve no final do ano visitando seus sogros que moram num bairro rural de Itaporanga. Na tarde desta quarta-feira (22), sem revelar o nome da vítima, ou qual bairro rural e ou família que ela esteve, seguindo norma do Ministério da Saúde para o caso, a secretária municipal de Saúde Renata Damante disse que a situação em Itaporanga está tranquila, mas que toda…

Compartilhar