Acordo com o Paraná: vacina russa já foi aplicada em 100 pesquisadores, que desenvolveram imunidade por até 5 meses

Diretor de instituto russo espera que, com duas doses da vacina, imunização se dê por dois anos. Testes com 40 mil pessoas começam na próxima semana. Vacina deve estar disponível em outubro Diretor do Instituto Gamaleya de Moscou, responsável pelo desenvolvimento da vacina russa contra Covid-19, Alexander Gintsburg disse que ela já foi aplicada em 100 pessoas – voluntários entre os próprios pesquisadores – , que já desenvolveram imunidade por até cinco meses. Ele participou de reunião por teleconferência, nesta quarta-feira (26) da comissão externa da Câmara dos Deputados que…

Compartilhar