Trigo entrega ao prefeito de Botucatu minuta de Projeto que regula colocação de lixeiras nas ruas

Preocupado com os perigos que os deficientes visuais correm nas ruas de Botucatu em função de lixeiras residenciais mal colocadas, o vereador Carlos Trigo (PT) encaminhou ao Prefeito Municipal João Cury (PSDB) uma minuta de Projeto de Lei que regula a instalação desses equipamentos. De acordo com o idealizador da iniciativa, trata-se de um problema que geralmente as pessoas não têm conhecimento.

 
“Muitas vezes, os munícipes não percebem que a colocação de lixeiras em muros e grades de residências pode causar acidentes com deficientes visuais”, aponta.

Dessa forma, a futura legislação terá como foco amenizar os riscos de acidentes. “A iniciativa tem um caráter educativo inicial”, esclarece. “Mas, também irá prever punições àqueles que não cumprirem suas determinações”, acrescenta.

O vereador Carlos Trigo explica que a colocação de lixeiras residenciais não será proibida, mas padronizada. “Serão determinados aspectos como altura e dimensões, além da obrigatoriedade de instalação próxima ao meio-fio”, ressalta. “O que não deverá ser permitida é a colocação das lixeiras nas grades e nos muros das residências”, destaca.

O vereador Carlos Trigo relata que as reclamações sobre a questão são frequentes. “Constantemente sou procurado por deficientes visuais que reivindicam a padronização da instalação de lixeiras residenciais, com o objetivo de diminuir as ocorrências de acidentes desse tipo”, diz.

Por fim, o parlamentar afirma que obteve o apoio do Prefeito Municipal. “Esperamos que nossa reivindicação seja atendida em curto espaço de tempo”, finaliza o vereador Carlos Trigo, líder do PT na Câmara Municipal de Botucatu. (Da Assessoria de Imprensa/Câmara Municipal de Botucatu)
 

 

Compartilhar

Notícias relacionadas