Uruguaia Las Acacias inicia vendas nos estados de São Paulo e Ceará

Marca uruguaia adquirida pela M. Dias Branco em 2022 chega aos consumidores brasileiros com massas especiais e integrais

A marca de massas uruguaia Las Acacias, incorporada pela M. Dias Branco há pouco mais de um ano, dá início à distribuição de seus produtos em redes varejistas dos estados de São Paulo e Ceará. Os primeiros supermercados a receberem os itens foram Sonda, Padrão, Iquegami, Amarelinha, Porecatu, Irmãos do Vale, Furlan & Piola, Chaim, Supermercado Nori e recentemente GPA, em São Paulo. No Ceará, foram as redes regionais de grande porte Guará, Super Lagoa, Bom Vizinho, Mercadinho O Raimundinho, Super do Povo e Delitalia.

O portfólio de Las Acacias é composto por massas especiais, com destaque para a linha grano duro, feitas com trigo duro especial, composta por: quatro cortes de massas tradicionais; três cortes de massas integrais e as linhas especiais com Manjericão (três cortes), Vegetais (três cortes) e com Tintura de Lula. Alguns cortes não têm similares disponíveis no País.

Fundada em 1952, em Montevidéu, Las Acacias está entre as três maiores marcas de massas secas do Uruguai, liderando também o segmento premium. Seus produtos são comercializados no Sul do Brasil há mais de dez anos, com aceitação comprovada pelos consumidores brasileiros, tanto pela qualidade quanto pela excelente relação custo-benefício, devido à isenção do imposto de importação que vigora no Mercosul e à proximidade geográfica.

A empresa é a primeira aquisição internacional da M. Dias Branco, que já possui marcas líderes como Piraquê, Vitarella, Adria e Jasmine. Com a aquisição pela líder nacional de massas e biscoitos, a empresa uruguaia já chega ao país com forte relacionamento com os varejistas e a capilaridade de distribuição da M. Dias Branco.

“São produtos diferenciados, sendo que muitos deles não encontramos similares no Brasil. São direcionados a um público exigente, que gosta de novidades e busca massas importadas com qualidade e apresentação diferenciados”, explica César Reis, diretor de negócios internacionais da M. Dias Branco.

Sobre a M. Dias Branco

Fundada em 1953, a M. Dias Branco é uma multinacional brasileira do setor de alimentos, signatária do pacto global da ONU e com ações negociadas no segmento do Novo Mercado na B3. Sua história começou na década de 40, com a Padaria Imperial, uma iniciativa de Manuel Dias Branco em Fortaleza (CE). Hoje, as suas operações geram mais de 17 mil empregos diretos em diferentes regiões, refletindo o seu compromisso com o desenvolvimento econômico e social do país. A Companhia possui 17 indústrias ou complexos industriais, sendo que sete deles possuem estruturas de moinho de trigo, além de 30 filiais comerciais, que favorecem a distribuição de seus produtos em todo o Brasil e para mais de 40 países.

Sediada em Eusébio (CE), a M. Dias Branco é líder brasileira em biscoitos e massas. A partir da aquisição da Jasmine Alimentos, concluída em agosto de 2022, a Companhia ampliou a sua participação no mercado de alimentos saudáveis, com produtos orgânicos, funcionais, integrais, sem glúten, sem lactose e zero açúcar. Em outubro do mesmo ano, anunciou sua primeira aquisição internacional, a Las Acacias, do Uruguai, focada no segmento de massas, mas que também tem no portfólio misturas para bolos e molhos.

A Companhia detém marcas líderes, como Vitarella, Piraquê, Adria, Fortaleza, Richester e Isabela, produzindo biscoitos, massas, farinhas, margarinas, snacks e torradas. Em novembro de 2021, foi feita a aquisição da marca FIT FOOD, a primeira iniciativa da Companhia no mercado de healthy food, com produtos como biscoitos de arroz, pasta de amendoim, chocolates e chips. Destacam-se ainda as marcas Frontera, de snacks, e Smart, de temperos e condimentos. Para saber mais sobre a M. Dias Branco, acesse: https://www.mdiasbranco.com.br

Eulália Vieira | Pressaporter

Notícias relacionadas

Se inscreva
Notificação de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments