Alckmin tira Detran-SP da Secretaria de Segurança e passa para a Secretaria de Gestão Pública

Órgão deverá oferecer aos usuários em todo o Estado o mesmo padrão de atendimento do Poupatempo – O governador Geraldo Alckmin assinou, nesta quinta-feira, 17, decreto que transfere o Detran-SP da Secretaria da Segurança Pública para a Secretaria de Gestão Pública. O órgão ficará vinculado diretamente ao secretário de Gestão Pública, Julio Semeghini, e terá a coordenação do ex-superintendente do Poupatempo, Daniel Annenberg. 


A missão do novo modelo de gestão do trânsito para o Estado de São Paulo será imprimir ao Detran o mesmo padrão de atendimento dado aos cidadãos no Poupatempo, aprovado por 97% dos usuários e reconhecido dentro e fora do país. Além disso, com o novo Detran, o Governo do Estado vai liberar 1.349 policiais (incluindo delegados e investigadores) até então dedicados exclusiva ou parcialmente às atividades de trânsito.

As medidas para um novo Detran no Estado de São Paulo serão fixadas num prazo de 120 dias por um gabinete de transição composto por profissionais da Secretaria da Segurança Pública e da Secretaria de Gestão Pública. Entre elas estão a utilização da tecnologia em benefício da população, com maior oferta de serviços pela internet, a simplificação de processos para a execução dos serviços e redução dos prazos de emissão de documentos, com opção de entrega na casa do cidadão.

"Um dos objetivos dessa medida é garantir ao usuário do Detran o acesso a serviços de qualidade, de forma ágil, eficiente e sem burocracia, que são a marca do padrão Poupatempo de atendimento", afirmou Sidney Beraldo, secretário da Casa Civil, que esteve presente no evento.

O Detran-SP estabelecerá ainda um novo modelo de relacionamento com os parceiros – Centros de Formação de Condutores (CFCs), médicos e psicólogos – através de investimentos em treinamento e suporte para que o atendimento aos cidadãos nesses locais também seja realizado dentro do padrão Poupatempo. A coordenação do Detran-SP fará o acompanhamento, avaliação e credenciamento dos parceiros para adequação ao novo modelo.

Outra novidade será a criação de canais de relacionamento direto do Detran-SP com os usuários, por meio de atendimento telefônico para informações e agendamento de serviços; ouvidoria para o recebimento de sugestões, elogios e reclamações e comunicação através de redes sociais.

Além de trabalhar na qualidade do atendimento aos cidadãos, o Detran-SP terá entre suas prioridades o estabelecimento de novas atividades ligadas à educação para o trânsito, com realização de capacitações e a reformulação do sistema de avaliação dos condutores.

Todas as medidas de reestruturação do Detran devem ser implementadas no prazo de um ano, quando os cidadãos de todo o Estado passarão a contar com atendimento moderno, seguindo os preceitos do Poupatempo. 
 
 
Compartilhar

Notícias relacionadas