Assentados renegociam dívida do Banco da Terra em Coronel Macedo

(Do Jornal Sudoeste Paulista) – Os assentados do Banco da Terra de Coronel Macedo renegociaram a dívida junto à Secretaria de Reordenamento Agrário do Ministério do Desenvolvimento Agrário (SRA/MDA) e Fundação Instituto de Terras do Estado de São Paulo (Itesp). O encontro, realizado dia 4, com os assentados e representantes dos órgãos ligados ao MDA e ao Estado, aconteceu na propriedade de Antônio Meira (Ticão) e resultou na renegociação da dívida fundiária dos agricultores familiares macedenses. Estiveram presentes Chico Feitosa (Itesp), Paula Bagdal (UNISOL Brasil – Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários) e Júnior Aranha (MDA), além do secretário de Agricultura de Coronel, Roque Garcia e do vereador Téo Garcia.

Segundo o secretário de Agricultura, Roque, os produtores não alcançaram bons resultados com a plantação devido à falta de acompanhamento técnico, o que de acordo com Garcia, também já foi resolvido e a partir do ano de 2015, os produtores assentados contarão com acompanhamento de técnicos. Desta forma, as atividades ligadas as plasticultura deverão render mais lucros aos pequenos produtores.
Roque contou que o forte da produção em Coronel Macedo, gira em torno dos hortifrútis. “Sem o acompanhamento de técnicos, os produtores não conseguiram êxito com a plantação neste ano e não quitaram as parcelas das dívidas com a terra, por isso nos engajamos na luta para ajuda-los a regularizar a situação”, explica Garcia.

NOVO ASSENTAMENTO – O secretário divulgou também que o município de Coronel Macedo foi beneficiado com três milhões de reais que serão investidos na aquisição de terras para assentar mais famílias. O recurso liberado pelo Governo Federal consiste em beneficiar com 80 mil reais cada família que será assentada. Elas pagarão em 17 anos. “Estamos à procura de terras para aquisição e divisão para o assentamento”, contou Roque. Em Coronel Macedo, são 18 famílias assentadas, no Bairro Domingues e São Bernardo. Anualmente elas devem pagar R$ 2.600 pelas terras e se pagarem até a data definida em negociação tem desconto de 40% na quitação da parcela.

ENCONTRO EM ITAPEVA – Roque contou ainda que junto com o representante da Associação de Produtores Rurais, Antonio Meira (Ticão), esteve num encontro do Consad (Consórcio Nacional de Segurança Alimentar e Desenvolvimento Local), em Itapeva, onde estava também Neri Geller, ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Lá foi definido que técnicos do MDA acompanharão os produtores da região a partir de 2015. Representantes do Consad – Sudoeste Paulista e representantes das Associações de Produtores.

LINHAS DE CRÉDITO – O secretário Roque Garcia contou também que esteve na Associação Regional dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos (Area) em Avaré, durante a semana, para conhecer as novas linhas de créditos, ofertadas pelo Banco do Brasil aos produtores. Os benefícios contemplam principalmente produtores ligados ao Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar) e Pronamp (Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural).

Macedenses em encontro na propriedade de Ticão
Macedenses em encontro na propriedade de Ticão

 

Participantes do encontro em coronel Macedo
Participantes do encontro em coronel Macedo
Compartilhar

Notícias relacionadas