Fartura e Itaporanga planejam a administração da Balsa e parceria turística

Proposta trata da administração conjunta da embarcação, garante o serviço público da travessia e cria atrativos turísticos, realizando benfeitorias nos pontos de embarque

O Turismo traz mais uma boa notícia para a população. Foi dado o primeiro passo para que seja firmada uma parceria entre Fartura e Itaporanga, visando a administração da Balsa que faz a travessia de veículos entre as duas cidades, um serviço público essencial para os cidadãos dos dois municípios. O tema foi pauta do encontro que ocorreu na manhã de quinta-feira, 17 de junho, entre os prefeitos, Luciano Filé, de Fartura, e Douglas Benini, de Itaporanga, na sede do Governo farturense.

Apesar de prestar um serviço para cidadãos de ambos os municípios, somente Fartura arca com os custos administrativos e as despesas de manutenção e operação. “Garantir o funcionamento da Balsa é um compromisso nosso, é um serviço essencial, mas conta com pequena demanda e alto custo operacional”, disse Luciano Filé.

A solução encontrada para aumentar a demanda pelo serviço e minimizar o déficit operacional foi apresentada pela Coordenadoria de Turismo de Fartura. Trata-se da administração conjunta da embarcação e da operação do serviço, somada a uma integração turística entre os municípios, transformando a Balsa e seus pontos de embarque em áreas de lazer e pesca esportiva, utilizando a embarcação também para passeios turísticos.

“Temos que aproveitar nossa posição estratégica na Região Angra Doce, nossa meta é construir uma grande rampa para barcos e uma plataforma de pescaria, além de criar um itinerário com horários definidos de travessia. Também estudamos viabilizar passeios turísticos pela represa, estimulando o turismo rural na região”, ressaltou o Coordenador do Turismo Farturense, André Bertoni

O prefeito, Douglas, gostou da ideia e destacou a importância da Balsa para a população itaporanguense e para o fomento do Angra Doce. “Nosso secretário de Turismo, Cassiano Godoi, já está trabalhando na ideia de construir um Camping no local onde a Balsa é atracada”, explica Douglas.

“Apresentamos a minuta de uma Lei, que será analisada pelo município de Itaporanga. Desta forma, garantimos e melhoramos a qualidade da prestação do serviço para a população, também apresentamos um Projeto Turístico para atrair turistas e investimentos, gerando renda, tanto para um lado da represa, quanto para o outro, implantando infraestrutura para alavancar o setor turístico”, explicou Filé.

Angra Doce
A região Angra Doce é uma Área de Interesse Turístico Federal, no entorno do reservatório da Usina Hidrelétrica de Chavantes, entre os estados do Paraná e São Paulo, composta por cinco municípios do Norte Pioneiro do Paraná, sendo: Ribeirão Claro, Carlópolis, Jacarezinho, Siqueira Campos e Salto do Itararé; e dez do Sudoeste Paulista, que são: Barão de Antonina, Bernardino de Campos, Canitar, Chavantes, Fartura, Ipaussu, Itaporanga, Piraju, Ourinhos e Timburi. (Da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Fartura (SP)

Compartilhar

Notícias relacionadas

Se inscreva
Notificação de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments