Funcionários municipais de Avaré entram em greve: além da crise, dívidas de administrações anteriores agravaram

Nota da Prefeitura de Avaré: “Com relação à greve deflagrada a partir de hoje, dia 09/11, pelos servidores municipais de Avaré, a Prefeitura da Estância Turística de Avaré entende que a greve é direito dos servidores, mas a atual situação financeira do Município não permite que sejam atendidas todas as exigências do Sindicato, entre elas o pagamento em dia dos salários.

Além da crise financeira que atinge o País, o município de Avaré sofre com a dívida de precatórios e previdência, contraídas em governos anteriores. Somente este ano, Avaré pagou 20 milhões de dívidas de precatórios e previdência. Proporcionalmente, Avaré possui a maior dívida de precatórios do Estado de São Paulo.

A Prefeitura informa que pagará o salário da maioria dos funcionários na próxima sexta-feira, dia 11/11, e que os demais servidores receberão seus salários após o dia 20/11. O pagamento do vale-alimentação será efetuado na próxima semana. Referente ao reajuste salarial, a Prefeitura afirma que o projeto está quase pronto e será enviado à Câmara Municipal”.

Compartilhar

Notícias relacionadas