Itapeva(SP) conquista pelo segundo ano consecutivo, o prêmio “Qualidade nas Ações de Controle da Tuberculose”

Honraria foi concedida pela eficiência nos serviços prestados nas unidades de Saúde e SAE, no combate à doença – Nesta gestão, Itapeva conquistou pela segunda vez consecutiva, o prêmio “Qualidade nas Ações de Controle da Tuberculose”, pela eficiência nos serviços prestados pelas unidades de saúde do município e SAE, no combate à doença. O título foi concedido pela Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, durante a realização do Fórum Estadual de Tuberculose.

Segundo a coordenadora do SAE – Serviço de Assistência Especializada em Moléstias Infecciosas, Karen Grube Glauser, a premiação concedida se deve principalmente pelo trabalho adequado em relação às consultas, exames, doses supervisionadas da medicação (quando os profissionais de Saúde veem o paciente tomar o medicamento).

Este ano, a Campanha contra a Tuberculose, realizada de 5 a 19 de março, foi considerada um grande sucesso, sendo que foram realizados 549 exames, com somente dois casos detectados da moléstia. O município também teve um aumento em relação ao número de atendimentos. Em 2017, foram 2.000 pessoas atendidas e em 2016, 1.000 receberam assistência da Rede Municipal de Saúde.

Karen Grube Glauser explica que por causa do aumento do número de atendimentos, também aumentou 30% os casos de tuberculose pulmonar o ano passado, quando foram identificados 37 casos da doença. Em 2016, foram 24.

A doença que mata por ano cerca de 2 milhões de pessoas, possui o tratamento e também a cura. A transmissão se dá de pessoa para pessoa, por meio da respiração, tosse e fala. O sintoma mais característico é a tosse por mais de 2 semanas (com ou sem escarro), acompanhada ou não de febre no final do dia, suor noturno, falta de apetite, perda de peso e cansaço.

A gerente técnica do SAE, Karen Grube Glauser, explica que são necessários para o tratamento, medicamentos diários específicos por um período de 6 meses sem interrupção. “ Em Itapeva, ele é realizado no SAE, em parceria com a unidade de saúde mais próxima à residência do paciente. O posto de saúde também faz o acompanhamento da medicação”, orienta Karen Grube.

A secretária Municipal de Saúde, Maria Eliza Ferraresi, enfatiza que é de suma importância a realização dos exames para prevenção da doença. “É recomendável orientar as pessoas que estão tossindo há mais de duas semanas, para que compareçam à unidade de saúde mais próxima de sua casa e realizem o exame diagnóstico”, enfatiza. (Da assessoria de imprensa da Prefeitura de Itapeva-SP)

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
  Se inscreva  
Notificação de