Medicina/Unesp rastreará distúrbios de voz na população em mutirão no CSE

Profissionais da Disciplina de Otorrinolaringologia da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) promovem, dia 15 de abril, no Centro de Saúde Escola – Vila dos Lavradores – atividades da Campanha Nacional da Voz. O evento, realizado ao longo do dia, acontecerá em todo o país.

 A população será avaliada por especialistas médicos, docentes, residentes, fonoaudiólogas, aprimorandos e pós-graduandos. O objetivo é identificar, inclusive com a ajuda de recursos computadorizados, possíveis distúrbios da voz e encaminhar os doentes para tratamento ambulatorial no Hospital das Clínicas/Unesp.

 Segundo a professora Regina Helena Garcia Martins, coordenadora regional do evento, muitas alterações na voz podem ser diagnosticadas durante o atendimento. “O procedimento é simples, rápido, não dói e possibilita uma avaliação detalhada de toda a laringe. Caso sejam encontradas lesões, os pacientes serão encaminhados aos ambulatórios do Hospital das Clínicas (HC) da FMB para tratamento”, destaca.

 Principalmente os profissionais que utilizam a voz para seu trabalho, como professores, cantores, vendedores, ou ainda crianças e adultos fumantes, entre outros, podem se dirigir ao CSE e passar pelos exames e receber as orientações fonoaudiológicas. Eles são considerados público de risco para doenças da voz.  Leandro Rocha, daAssessoria de Comunicação e Imprensa da FMB e HC/Unesp


 

Compartilhar

Notícias relacionadas