Meio Ambiente: Taquarituba inicia abolição dos sacos plásticos no comércio

A Câmara Municipal de Taquarituba elaborou e aprovou a lei complementar 123 de 16 de setembro de 2010, sancionada pelo Prefeito Municipal, Miderson Zanello Milleo,  que trata  da abolição das sacolas e sacos plásticos do comércio local. Essa redução é de 25% por semestre, de forma que até 16 de setembro de 2012 esteja totalmente abolida. A medida é para evitar danos ao meio ambiente. A Lei prevê a redução gradativa, devendo ser substituídas as sacolas plásticas em 25% a cada seis meses, ou seja, que até dia 16 de setembro de 2012 as sacolas e sacos plásticos estejam totalmente eliminados dos estabelecimentos comerciais.

 

 

No Brasil os supermercados, farmácias e boa parte do comércio varejista embalam em saquinhos tudo o que passa pela caixa registradora, não importando o tamanho do produto. Isso já foi incorporado na nossa rotina como algo normal, como se o destino de cada produto comprado fosse mesmo um saco plástico.

“O objetivo é reduzir os danos ao meio ambiente causados pelo descarte do material plástico. Desta forma, estaremos preservando os recursos naturais para o próprio bem das futuras gerações que virão”, enfatizou o prefeito
A exemplo, da Alemanha, a plasticomania deu lugar à sacolamania (cada um levando sua própria sacola). Quem não anda com sua própria sacola para levar as compras é obrigado a pagar uma taxa extra pelo uso de sacos não retornáveis.
Por Orlando Chamorro

 

Compartilhar

Notícias relacionadas