Educação de Itapeva oferece Sexualidade aos educadores

Professores participantesPara garantir a formação continuada dos professores da rede municipal de ensino no que diz respeito à “Saúde Sexual” e “Saúde Reprodutiva” a Secretaria Municipal de Educação (SME) de Itapeva está promovendo a eles o curso “Sexualidade na Adolescência”. As aulas tiveram início no começo do mês e estão abordando temas

como sexualidade, afetividade e juventude; gravidez na adolescência e métodos contraceptivos; percepção de riscos às Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) e à AIDS; gênero, diversidade e preconceitos e drogas.
 
Ainda estão sendo desenvolvidas oficinas, que desenvolvem os conteúdos gerais acima elencados e tem enfoque transdisciplinar.

O curso tem por objetivo promover ações de formação continuada para professores a fim de responder às diferentes situações relacionadas à vivência da sexualidade no cotidiano de jovens e adolescentes; propiciar aos educadores informações e conhecimento sobre prevenção no campo da sexualidade de modo a orientá-los para a manutenção da saúde, levando a escola a tornar-se um espaço para discussão do tema, descentralizando-o em diversos campos curriculares, de forma a favorecer abordagens inter e transdisciplinares e contribuir para o debate sobre as relações existentes entre sexualidade e adolescência, de forma a tornar a escola um espaço para a construção da identidade envolvendo os educadores, pais e alunos.

Para Beatriz Machado, Coordenadora de Projetos da SME, a infância e a juventude são as fases da vida em que ganham importância às atitudes de experimentação, a construção de elementos da identidade e a busca pela autonomia por meio de um processo de socialização. Nesse contexto, torna-se indispensável a abordagem preventiva na orientação desses sujeitos, principalmente com relação aos eventos de maior risco como drogas, gravidez na adolescência  e  DST/AIDS. “Propomos então, através deste curso, repassar e reprocessar informações aos jovens e adolescentes e a partir destas informações os mesmos poderão multiplicar seus conhecimentos, transmitindo-os aos seus pares e comunidade em geral”, contou.
 
O curso segue até o dia 13 de outubro e todos os participantes receberão certificado.

Alene Santos, da Assessoria de Imprensa da Secretaria de Educação

Compartilhar

Notícias relacionadas