Prazo recorde: ponte de Riversul foi construída em dois dias

Tráfego de veículos para os bairros está normalizado – O mutirão organizado no final de semana, envolvendo a administração municipal e a comunidade para construção de uma ponte provisória, de emergência, no Padilhas, gerou um resultado surpreendente: num prazo recorde de dois dias, a construção iniciada na manhã de domingo foi concluída no final da tarde desta segunda e comemorada pelos trabalhadores com churrasco e queima de fogos.

CHOVEU TODOS OS DIAS – Com isso, depois de uma semana toda chuvosa e sem condições de trabalho (a ponte de concreto caiu na segunda-feira (22), a ponte provisória de madeira ficou pronta e o trafego de veículos de todos os tipos normalizado na Estrada Vicinal João Batista Sobrinho, que serve aos bairros Padilha, Fróies,Taboa, Samambainha, Barra Alegre, Paineiras, Balça e Santa Cruz.

NÃO SE FAZ DA NOITE PARA O DIA – O prefeito Vicente explicou na tarde desta terça-feira (01) que o município e o estado não têm recursos, e que mesmo que tivessem os recursos financeiros disponíveis, não se construiria uma ponte de concreto da noite para o dia, visto que para esse tipo de obra são levados em conta o tempo para os cálculos e elaboração de projeto técnico feito por empresa de engenharia especializada em construções de pontes. Depois do projeto ainda vem o processo licitatório, com publicações oficiais de editais e etc., que demora no mínimo 90 dias. Para depois se iniciar a obra, que só irá andar se o tempo estiver seco. Se estiver chovendo, para tudo. “Qual prefeito com grave problema de ponte caída no seu município não gostaria de resolver o problema num piscar de olhos? Ninguém faz milagre numa situação dessa!”, disse ele.

AGRADECIMENTOS – O prefeito disse ainda que não havia outra solução, a não ser a construção da ponte de madeira, para a qual contou com a grande colaboração da comunidade, que numa atitude de solidariedade e compreensão arregaçou as mangas e fez a coisa acontecer, ou seja, juntos construíram a ponte, e aproveitou para pedir que fosse registrado, em nome da administração e de todo o povo riversulense, um agradecimento especial aos colaboradores vereador Osni Correia Machado, Mauro Fedato e família, Odilio Bergamini, Zé Luis, Otávio Messias, Ze Maria, Tonho da Maquina, Betão Padilha, Rogério Pardo, Elias, Admir, Zé Mário, Lauri Rezende, Claudinho Padilha, Maurício, Valdeci Rezende, Toni , Rene Padilha, João Barra, Berico e outros que por ventura tenha esquecido dos nomes.

AJUDA DO GOVERNO – Finalizando, Vicente informou que a empresa de engenharia de construção de pontes que esteve na sexta-feira passada no local está finalizando os cálculos para apresentar um orçamento ao município, o que deverá ocorrer em breve. “Com isso em mãos, mais uma vez voltaremos ao Palácio dos Bandeirantes em SP, na Casa Militar e Defesa Civil para pedir ajuda do Governo do Estado para a construção da ponte de concreto no Padilha”, encerrou. Veja em 38 fotos essa história da ponte.

Compartilhar

Notícias relacionadas

1 Comentário
mais novo
mais velho mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Pedro
Pedro
3 de março de 2016 21:04

Nunca vi um cara gostar de aparecer tanto que nem este Osni , ele olha pró fotógrafo pra ver se está tirando a foto Hauhuhua