Comeron reivindica instalação de semáfaros em pontos de grande fluxo de veículos

Através de requerimentos apresentados em plenário o vereador Roberto Comeron (DEM) solicitou do Conselho Municipal de Trânsito – Comutran a instalação de semáforos em três pontos da cidade, os quais possuem grande fluxo de veículos e necessitam da referida benfeitoria.


Um dos locais apontados pelo vereador é na Avenida José Ermírio de Moraes, próximo a Farmácia Real. Além do intenso movimento de veículos, pelo local passam também muitos pedestres, já que nas imediações está localizada a prefeitura, o camelódromo, além de muitos estabelecimentos comerciais. Um semáforo naquele cruzamento contribuirá para melhorar o trânsito.

Comeron quer também a implantação de semáforo no cruzamento das ruas Fernando de Oliveira com a Sinhô de Camargo, próximo a Justiça Federal. O movimento ali também tem aumentado muito, sendo necessárias algumas medidas para facilitar o tráfego de veículos e garantir segurança às pessoas que utilizam aquele local.

Outro semáforo solicitado pelo vereador é na Rua Capão Bonito e Rua Itaberá, próximo à Escola Estadual Professora Zulmira de Oliveira, na Vila Bom Jesus. Como a rua é mão dupla, o movimento de veículos é grande no local, especialmente nos horários de entrada e saída das aulas, o que justifica a implantação da referida melhoria.

ILUMINAÇÃO  – A instalação de iluminação pública na Rua José Celestino dos Santos, no Jardim Grajaú é outro pedido formulado pelo vereador Comeron.  O local tem sido ponto de encontro de pessoas que fazem uso de drogas, criando transtornos aos moradores. Além disso, as pessoas reclamam que pagam a taxa de iluminação pública, porém não contam com a  melhoria.

CÓRREGO DO ARANHA – Comeron indagou quais providências serão tomadas com relação ao alagamento no Córrego do Aranha nas proximidades da Vila Bom Jesus e Vila Aparecida.

Argumentou que após o início das obras de construção do córrego, o problema não foi solucionado, pois com fortes chuvas as cheias são constantes no referido local, que  está servindo como depósito de sacolas plásticas.  Além disso, chega ocorrer inundações nas residências, colocando os moradores em risco de serem contaminados pelos bichos peçonhentos,  e ficam expostos ao mau cheiro, devido à obra não estar terminada. 

CANALIZAÇÃO – Outro questionamento do vereador é sobre a canalização da rede coletora de esgoto na Fazenda Dona Iracema (antiga Fazenda Pilão D’Água). Explicou que no local residem diversas famílias as quais não contam com rede de esgoto, fato que tem causado sérios transtornos. As pessoas alegam que a benfeitoria contribuirá para melhorar a qualidade de vida, evitando danos à saúde. (Assessoria de Imprensa da CMI).
 
Compartilhar

Notícias relacionadas