Em parceria com a Unesp, Taquarituba realiza mutirão oftalmológico na cidade

Na segunda-feira, (25), 316 pessoas foram atendidas no mutirão oftalmológico realizado pela Prefeitura Municipal de Taquarituba. As consultas aconteceram durante todo o dia, no Centro de Transportes da Saúde, José Jardim (antiga Primavera). Foram 286 consultas em adultos e 30 consultas em crianças. O mutirão se deu por conta, da parceria entre a administração municipal e a UNESP de Botucatu, através da Coordenadoria Municipal da Saúde.


 
A equipe oftalmológica contou com 12 profissionais da UNESP que utilizaram uma unidade móvel equipada com aparelhos para diagnóstico  de doenças da visão.O Projeto Saúde Ocular assiste Taquarituba pelo menos três vezes por ano, com consulta gratuita. Os casos considerados graves foram encaminhados para Botucatu para realização de exames e tratamentos complementares. “O objetivo do Projeto Saúde Ocular é justamente para dar atenção especial aos nossos olhos com exames regulares ao oftalmologista para medição da acuidade visual, detectando precocemente possíveis doenças que necessitem de tratamento médico como forma de prevenir complicações que possam efetivamente levar a cegueira”, disse o prefeito Miderson. 

A Coordenadoria Municipal de Saúde aproveitou o fluxo de pessoas e fez um trabalho informativo através de panfletos e orientações sobre a Dengue e a Hanseníase. Durante o período de espera de atendimento, várias pessoas conheceram as larvas do mosquito da dengue e foram orientadas de como prevenir o foco do mosquito. 

A  Coordenadora Edna Fogaça, afirma que a colaboração da comunidade é fundamental no processo. “É muito importante que as pessoas abram suas casas e deixem os agentes recolher o material que evita os criadouros”, disse Fogaça. Por – Orlando Chamorro  Assessor de Imprensa
 
Compartilhar

Notícias relacionadas