Itaí: famílias conhecem serviços ao deficiente e gestantes aprendem os cuidados com a saúde do bebê

Em um evento, a coordenação do Serviço Social do município reuniu familiares de deficientes para uma palestra onde foi informado quais são os serviços públicos e programas a que essas têm direito. E em outro, relacionado à Saúde, o médico Durval Garcia explicou às gestantes quais são os cuidados que elas devem tomar para a saúde do bebê.


Famílias conhecem serviço de atendimento ao deficiente de Itaí

O atendimento ao deficiente físico itaiense foi apresentado dia 29 aos beneficiados do Programa Renda Cidadã, que atende mais de 100 famílias carentes no município. A palestra foi dada no Centro de Treinamento da Vila São Salvador pela coordenadora do Deficiente Físico, Ellen Vaz. O convite veio do Departamento de Ação Social, que faz a gestão do Programa Renda Cidadã.

A coordenadora Ellen informou que o serviço de apoio ao deficiente funciona junto ao SERI (Serviço Especializado de Saúde de Itaí), no centro da cidade.  Segundo ela, são fornecidas via coordenadoria municipal órteses, próteses, fraldas geriátricas, cadeiras de rodas e de banho, andador, colchões especiais, entre outros. “Atualmente atendemos cerca de 300 pacientes”, contou.

Para emprestar uma cadeira de rodas, por exemplo, é preciso encaminhamento do médico que atende o paciente, informou Ellen. Já as fraldas geriátricas são fornecidas após solicitação direta do paciente e posterior visita da coordenadora à família. A coordenadora esclareceu que órtese é um aparelho que corrige uma deficiência e que a prótese substitui uma parte do corpo e sua função, tal como uma perna. Ao final da palestra a assistente social Vanderly Cândido Baú, do Departamento de Ação Social, esclareceu dúvidas dos presentes a respeito do Programa Renda Cidadã. Depois todos foram convidados a fazer um lanche.


Gestantes aprendem sobre primeiros cuidados com saúde do bebê

O período de gestação traz com as modificações físicas do corpo da mulher as mudanças hormonais, medos e expectativas. Num momento ela se sente triste, noutro está feliz, depois preocupada e introspectiva.

Quando o bebê nasce, surgem algumas inseguranças com as novas tarefas. Para auxiliar as gestantes nesta fase especial, o Fundo Social de Solidariedade, em parceria com a Secretaria de Saúde de Itaí, continua com o Curso para Gestantes, com palestras educativas e trabalhos manuais. A mais recente das palestras foi com o pediatra Fausto Carvalho, no dia 30.

O médico, que atende na Unidade Básica Dr. Durval Garcia, explicou sobre cuidados que a mãe deve ter na gestação e com o recém-nascido. Falou do desenvolvimento do feto, das funções da placenta, que pode calcificar com o consumo de cigarro, e da forma do crescimento do útero.

O médico explicou que o sono do bebê recém-nascido é influenciado pelo horário que a mãe costuma dormir, sendo que enquanto está na barriga da mãe, ele acorda quando ela está em repouso.

Sobre a amamentação, o médico reforçou que o aleitamento materno na primeira hora de vida é importante para o bebê. Explicou que o colostro é o primeiro alimento que o recém-nascido deve receber, pois é um leite que apresenta altos níveis de nutrientes e anticorpos.  O colostro também é "a primeira vacina" que o bebê recebe, visto que a mãe passa através dele as defesas contra várias doenças que já teve durante a vida. O pediatra disse que a mãe que está amamentando deve cuidar de sua alimentação e ingerir boa quantidade de líquidos para facilitar a produção de leite.

Fazer o teste do pezinho é fundamental para o bebê logo nos primeiros dias de vida. O exame, feito com a amostra de sangue retirado do calcanhar da criança, detecta doenças metabólicas, genéticas e/ou infecciosas, que sem tratamento poderão causar lesões irreversíveis, como por exemplo, retardo intelectual. Carvalho também falou, entre outros pontos, da importância da cobertura vacinal, que foi ampliada nos últimos anos, resultando em menores índices de crianças com problemas graves de saúde no município.

Vagas abertas – As vagas no Curso para Gestantes continuam abertas no Fundo Social de Solidariedade de Itaí, que é presidido pela primeira-dama de Itaí, Laodicéia Paschoal. Os encontros ocorrem as segundas, quartas e quintas-feiras. Neles as futuras mães aprendem trabalhos manuais, confeccionam enxoval para seus bebês e participam de palestras educativas. Além do médico pediatra Fausto Carvalho, palestraram para as gestantes nesta edição do curso as enfermeiras Fabíola Corral da Silva, Daniele Tavares dos Reis, Imara Barros e o fisioterapeuta do SERI (Serviço Especializado em Reabilitação de Itaí), Tani Roberto Neres Meira.

 

 

Compartilhar

Notícias relacionadas