Na nossa região: Estado inicia Creche Escola 2012 com adesão de 28 municípios

Governandor Geraldo AlckminO governador Geraldo Alckmin e o secretário Rodrigo Garcia assinaram nesta terça-feira, 6, os primeiros 28 termos de adesão ao Programa Creche Escola. As cidades contempladas são da região de Sorocaba, Avaré, Itapeva e Botucatu. São elas: Anhembi, Araçariguama, Arandú, Avaré, Bernardino de Campos, Boituva, Cerqueira Cesar, Conchas, Itaberá, Itaóca, Itapetininga, Itapeva, Itu,

Mairinque, Manduri, Óleo, Ourinhos, Paranapanema, Pardinho, Pereiras, Piedade, Ribeirão do Sul, Ribeirão Grande, Salto, Santa Cruz do Rio Pardo, São Pedro do Turvo, Tatuí e Votorantim.

Histórico na região

Em 2011, das regiões de Sorocaba, Avaré, Itapeva e Botucatu, foram 39 municípios que aderiram ao Creche Escola. São eles: Angatuba, Apiaí, Areiópolis, Barão de Antonina, Barra do Chapéu, Bofete, Burí, Campina do Monte Alegre, Canitar, Capão Bonito, Cesário Lange, Chavantes, Coronel Macedo, Guapiara, Guareí, Iaras, Ibiúna, Iperó, Iporanga, Itaí, Itapirapuã Paulista, Itaporanga, Itararé, Itatinga, Nova Campina, Pratânia, Ribeira, Ribeirão Branco, Riversul, Salto Grande, São Miguel Arcanjo, Sarapuí, Sarutaiá, Taguaí, Tapiraí, Taquarituba, Taquarivaí, Tejupá e Torre de Pedra.

"Nosso objetivo é aumentar o número de vagas na Educação Infantil em todo Estado, dando mais tranquilidade para as mães trabalharem. Além disso, a creche ajuda preparar a criança para o Ensino Fundamental, ajudando no seu desempenho", afirmou o governador.

De acordo com o secretário Rodrigo Garcia, a construção de equipamentos como as creches muda a realidade das famílias e ajuda no desenvolvimento social delas. "Por isso, priorizamos a instalação das unidades onde sua ausência é mais sentida, de acordo com indicadores sociais", acrescenta ele.

"Hoje são mais 28 municípios no nosso programa Creche Escola. A prefeitura só entra com o terreno, nós entregamos a creche pronta e cada creche atende 150 crianças", lembrou Alckmin.

O Creche Escola

Lançado em setembro de 2011, este é o segundo ano de implantação do programa, que pretende entregar mil unidades completas, inclusive com equipamentos, até 2014. O público-alvo do projeto são crianças de 0 a 5 anos, que ainda não são atendidos por creches.

Desenvolvido em parceria pelas Secretarias de Desenvolvimento Social (Seds) e da Educação, o programa tem como objetivo ampliar o atendimento de crianças na educação infantil, residentes, prioritariamente, em localidades com maior vulnerabilidade social.

A priorização dos municípios é feita com base em critérios de vulnerabilidade social estabelecidos pela Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade). Em 2011, 167 municípios assinaram os termos de adesão do programa Creche Escola.

Cada unidade (obras e equipamento) custa em média R$ 1 milhão. A contrapartida do município é oferecer terreno plano de sua propriedade, com 2 mil m², abastecido de rede de água, esgoto, energia, telefonia e divisas muradas.  (Da Da Secretaria de Desenvolvimento Social)

Compartilhar

Notícias relacionadas